24 C
Serra
sábado, 31 de outubro de 2020

Mesmo com Prefeitura fiscalizando, queima de pneus continua e segue incomodando moradores

Leia também

Vandinho sobre pesquisa Enquet/TN: “mostra que cidade está cansada desse revezamento”

Após a divulgação dos resultados da pesquisa Enquet/TN, o candidato a prefeito da Serra, Vandinho Leite (PSDB) - que...

Serra registra 19.579 casos e já possui 541 moradores mortos pela Covid-19

A nova atualização divulgada pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) mostra que a Serra já possui 19.579 moradores...

Estado quer proibir comícios e passeatas de políticos por causa da Covid-19

Cenas de aglomerações em eventos de campanhas políticas viraram parte da rotina durante as eleições municipais deste ano, inclusive...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Fumaça de queima de pneus na manhã da quarta (8), às 7h15. Foto: Divulgação

Um problema que está se tornando crônico na região de Feu Rosa e uma parte de Portal de Jacaraípe é a fumaça gerada pela insistente queima de pneus. Segundo moradores, a situação tem acontecido diariamente em um terreno próximo as residências dos bairros, principalmente pela manhã e no final da tarde.

O polo Cercado da Pedra é uma área para instalação de empresas que tem acesso via Talma Rodrigues Ribeiro, vindo de Feu Rosa para o Hospital Dório Silva, ao lado do muro, de início da Fortlev.

A denúncia é de um morador que não quis se identificar que disse que a queima dos pneus acontece todos os dias no final da tarde num terreno que fica no polo Cercado da Pedra, que fica no entorno do Civit II.

“As vezes a queima acontece pela manhã também e incomoda demais, pois a fumaça é densa e acaba gerando problemas respiratórios para quem tem crianças asmáticas. Se fosse algo ocasional, mas é todo santo dia e tem gerado muitos transtornos”, denuncia o morador do condomínio Boulevard Lagoa.

O TEMPO NOVO chegou a denunciar a situação em maio. Na ocasião, a Prefeitura da Serra disse que uma equipe de fiscalização vai ao local averiguar a denúncia.

Novamente, a Prefeitura foi procurada para falar sobre o assunto e disse que a Fiscalização da Secretaria de Meio Ambiente (Semma) já realizou cinco fiscalizações na área, com objetivo de flagrar o responsável pela queima dos resíduos. Por não cercar e não zelar pela propriedade, dando margem para a queima de resíduos no local, o dono do imóvel e o concessionário foram multados em R$  90.015,00 e R$ 30.000,00, respectivamente.

Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Mais notícias

Serra registra 19.579 casos e já possui 541 moradores mortos pela Covid-19

A nova atualização divulgada pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) mostra que a Serra já possui 19.579 moradores que foram infectados pelo coronavírus...

Estado quer proibir comícios e passeatas de políticos por causa da Covid-19

Cenas de aglomerações em eventos de campanhas políticas viraram parte da rotina durante as eleições municipais deste ano, inclusive na Serra. E a situação...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!