23.2 C
Serra
terça-feira, 22 de setembro de 2020

Oficina de palhaçaria e teatro de rua no Centro Cultural da Serra

Leia também

Quer emprego? Sine da Serra abre 166 novas vagas de trabalho nesta terça

Com oportunidades para diversas profissões, a terça-feira (22) chegou recheada de novas vagas de emprego no Sine da Serra....

Casagrande critica Bolsonaro por “negacionismo” de incêndios no Brasil

Em meio a incêndios que destroem o Pantanal e a Amazônia no Brasil, o governador Renato Casagrande (PSB), criticou,...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

A oficina de palhaçaria será no sábado (1) das 14 às 18 horas. Foto: Divulgação

Neste sábado (1), vai ter programação especial no Centro Cultural Eliziário Rangel, em São Diogo, na Serra. De 08 às 12h, acontece o workshop Teatro de Rua, que será realizado em parceria com a Árvore Casa das Artes. Podem participar pessoas maiores de 16 anos e o custo da oficina é de R$ 60. As vagas são limitadas, vinte no total.

O workshop tem como proposta apresentar conceitos e elementos básicos do teatro de rua por meio de uma vivência prática de processos de treinamento, criação e atuação. Já das 14 às 18h, é a vez do workshop de iniciação à arte de Palhaçaria. O custo para participação é R$ 60 e as vagas também são limitadas, 20 pessoas. Podem participar pessoas maiores de 16 anos. Nesta oficina, o objetivo é apresentar elementos básicos da arte da Palhaçaria por meio de um trabalho prático de ativação energética, jogos e improvisação.

Busca-se com isso proporcionar o estímulo e a percepção do corpo como um terreno fértil do ridículo e do cômico. Corpo que neste estado se lança ao risco do jogo cômico na relação com quem e com que o cerca. Toda a renda arrecadada vai ajudar na aquisição de equipamentos de iluminação e outros que serão destinados ao melhor atendimento de público e artistas. O local foi alvo por duas vezes do vandalismo de bandidos que levaram equipamentos do teatro.

Agora, além de buscar os recursos financeiros para aquisição de luz, o Centro Cultural precisa conseguir verbas para repor o que foi furtado. A campanha chamada de “Luzes para o Eliziário” foi lançada em abril e funciona como financiamento coletivo tendo por meta arrecadar R$ 40 mil. “Luzes para o Eliziário” ficará no ar até o dia 5 de junho, e quem quiser ajudar pode doar entre R$ 20 ate R$ 5.000 ou mais, os apoiadores podem escolher recompensas como ingressos, camisetas, ecobags e até uma apresentação exclusiva de um espetáculo teatral.

O objetivo dessa campanha e arrecadar o valor acima citado para aquisição e instalação de equipamentos de iluminação, de modo que o Centro possa receber espetáculos, artistas e público com mais qualidade do que é oferecido hoje. Para contribuir, basta acessar o endereço eletrônico https://www.catarse.me/luzesparaoeliziario e realizar o apoio.

O Eliziário fica na rua Gonçalves Dias, nº 1201, em São Diogo. Telefone: (27) 3051-0835.

Comentários

Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Mais notícias

Casagrande critica Bolsonaro por “negacionismo” de incêndios no Brasil

Em meio a incêndios que destroem o Pantanal e a Amazônia no Brasil, o governador Renato Casagrande (PSB), criticou, nesta segunda-feira (21), o "negacionismo"...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!