21.8 C
Serra
quarta-feira, 23 de outubro de 2019

Música clássica a preço popular em Vitória

Leia também

Mundial Sub-17: seleções seguem treinando na Serra | Veja vídeo

A Serra está sendo o Centro de Treinamento (CT’s) de doze seleções que disputarão o Mundial Sub-17 da Fifa....

Governo Federal “desmonta” assistência social e pobreza avança, denuncia secretário

Parte II, Bloco Assistência Social Veja a Parte I da entrevista: Eleição 2020 A frente da Secretária de Trabalho, Assistência e...

Banestes diz que não vai fechar agência em Nova Almeida, mas comunidade teme desinvestimento

Já foram afixadas placas na Agência do Banestes em Nova Almeida, informando aos clientes que a unidade vai sofrer...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

A Oses e seu regente, o maestro Helder Trefzger. Foto: Divulgação Secult
A Oses e seu regente, o maestro Helder Trefzger. Foto: Divulgação Secult

Semana que vem nos próximos dias 13 e 14, a Orquestra Sinfônica do Espírito Santo (OSES) dá prosseguimento à sua temporada com mais duas apresentações, dentro das séries Quarta Clássica e Quinta Clássica. As apresentações acontecerão no Theatro Carlos Gomes, às 20h. Os ingressos, já disponíveis para venda, são a preços populares: R$2,00 a inteira e R$1,00 a meia.

Os ingressos podem ser adquiridos com antecedência na bilheteria do Teatro. Telefone: 3132-8399

O programa traz uma obra inédita no Espírito Santo: a Sinfonia n.º 1, do compositor austríaco Gustav Mahler, conhecida como Sinfonia Titã, escrita entre os anos de 1884 e 1888. Gustav Mahlerfoi é um dos principais compositores e maestros da sua época.

A sua música faz a transição entre os séculos 19 e 20. Suas obras são escritas para grande orquestra e buscavam romper os limites até então em vigor. O subtítulo da sinfonia, Titã, refere-se ao livro do escritor romântico Jean Paul. Naabertura do concerto, uma outra obra inédita no Estado: Summer Evening, do inglês Delius.

Atual diretor artístico e maestro titular da Orquestra Sinfônica do Estado do Espírito Santo, Helder Trefzger estudou em algumas das principais universidades brasileiras, como a UFRJ, a UFMG e a UnB e teve aulas complementares com professores de renomadas instituições de ensino musical, como o Conservatório de Moscou, a Manhattan School of Music, e a Arts Academy – Istituzione Sinfonica di Roma. É Mestre em Música (Regência – Práticas Interpretativas) e Bacharel em Música – Regência.

Mais notícias

video

Mundial Sub-17: seleções seguem treinando na Serra | Veja vídeo

A Serra está sendo o Centro de Treinamento (CT’s) de doze seleções que disputarão o Mundial Sub-17 da Fifa....

Governo Federal “desmonta” assistência social e pobreza avança, denuncia secretário

Parte II, Bloco Assistência Social Veja a Parte I da entrevista: Eleição 2020 A frente da Secretária de Trabalho, Assistência e Desenvolvimento Social (Setades), Bruno Lamas...

Banestes diz que não vai fechar agência em Nova Almeida, mas comunidade teme desinvestimento

Já foram afixadas placas na Agência do Banestes em Nova Almeida, informando aos clientes que a unidade vai sofrer mudanças. Na prática o banco...

Prefeitura faz demolição de casas em invasão na Serra

A invasão que persisti em continuar, na área de proteção ambiental, na Avenida Norte Sul, em Colina de Laranjeiras, sofreu mais um duro golpe...

Projeto abre mil vagas para cursos profissionalizantes

Está em casa desempregado e sem dinheiro para fazer um curso profissionalizante? Um projeto social da Serra, o Juventude Ativa, está com inscrições abertas...

Você também pode ler

error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!