25.3 C
Serra
sábado, 30 de Maio de 2020

Mais contratações que demissões em abril na cidade

Leia também

Mais de 60 vagas de emprego no Sine da Serra na segunda (1)

Se você está procurando emprego o  Sine da Serra não está realizando atendimento presencial ao público, mas continua captando...

Em entrevista, Audifax fala sobre medidas de combate ao coronavírus na Serra

A Serra tem tomado uma série de medidas em combate ao coronavírus (Covid-19), que vão desde a distribuição de...

Com 569 mortes por Covid-19, Estado investiga outros 41 óbitos suspeitos

Quarenta e um óbitos estão sendo investigados no ES para saber se as pessoas morreram de Covid-19. O Espírito...
Vilson Vieira Jrhttps://www.portaltemponovo.com.br%20
Morador da Serra, Vilson Vieira Junior é repórter do Tempo Novo. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal, principalmente para a de Esporte.

Em abril, foram assinadas 5,058 novas carteiras de trabalho na Serra. (Foto: Governo Federal/Divulgação)

O mês de abril seguiu positivo na geração de trabalho formal na Serra e abriu o dobro de vagas, se comparado a março. Em abril, o saldo entre contratações e demissões foi de 305, enquanto em março foram 139.

Em abril, foram assinadas 5.058 novas carteiras de trabalho, enquanto 4.753 deram baixa. As áreas que mais contrataram foram serviços (279) e comércio (97), enquanto as que mais demitiram foram indústria de transformação (-51) e construção civil (-30). Os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

Nos primeiros quatro meses deste ano, a Serra gerou 1.481 postos de trabalho novos, com 22.238 admissões e 20.757 baixas. Se somados às 5.178 vagas abertas em 2018, o total é de 6.629; um crescimento ainda modesto se comparado às quase 20 mil vagas fechadas entre 2015 e 2017.

Apesar de os números mostrarem recuperação, ainda é um desafio conseguir trabalho para todos que precisam. Segundo o secretário municipal de Trabalho, Emprego e Renda, Roberto Carlos, cerca de 35 mil pessoas estão em busca de emprego na cidade. A declaração foi dada ao jornal A Gazeta.

No Espírito Santo, o saldo voltou a ficar positivo, com 2.881 novas vagas. Em abril, foram 28.189 contratações e 25.308 demissões. O saldo no primeiro quadrimestre também ficou positivo: 9.066, considerando as 117.906 carteiras assinadas, contra 108.840 baixas.

Comentários

Mais notícias

Em entrevista, Audifax fala sobre medidas de combate ao coronavírus na Serra

A Serra tem tomado uma série de medidas em combate ao coronavírus (Covid-19), que vão desde a distribuição de máscaras e kits de limpeza...

Com 569 mortes por Covid-19, Estado investiga outros 41 óbitos suspeitos

Quarenta e um óbitos estão sendo investigados no ES para saber se as pessoas morreram de Covid-19. O Espírito Santo tem hoje (29), até...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!