25.1 C
Serra
sexta-feira, 22 de novembro de 2019

Invasão de terreno gera tensões em Jacaraípe

Leia também

Depois de resgate difícil no Mestre Álvaro, homem é levado com diversas fraturas para hospital

Após cair de uma altura de 10 metros e ser arrastado por uma cachoeira, Marcos Francisco Santana, mais conhecido...

Saiba onde fazer doações para vítimas das chuvas

Uma corrente de solidariedade está mobilizando moradores da Serra. Trata-se do recolhimento e distribuição de donativos às vítimas das...

Qual é o peso do ex-deputado federal Manato na sucessão serrana de 2020?

Carlos Manato é sem dúvidas um dos grandes líderes da política capixaba na atualidade! De 2002 a 2014, ele...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Tendas improvisadas e precárias estão sendo montadas para demarcar os lotes.  O clima é tenso no local, com proprietários rurais temerosos e de plantão para evitar que a ação alcance suas áreas. Foto: Bruno Lyra
Tendas improvisadas e precárias estão sendo montadas para demarcar os lotes.  O clima é tenso no local, com proprietários rurais temerosos e de plantão para evitar que a ação alcance suas áreas. Foto: Bruno Lyra

por Bruno Lyra

Um dos líderes do movimento, Gleisson Silva, disse que a invasão, que está atingindo áreas de eucaliptais e de mata Atlântica

, começou no último dia 14 de setembro.

Segundo ele, cerca de 1,5 mil pessoas iniciaram a ação e nesta quinta-feira (25) pelos menos 3 mil pessoas já ‘demarcaram’ seus lotes menores e até chácaras.

“Temos informação que parte do terreno pertence à prefeitura. Queremos um lugar para morar, pois não conseguimos comprar uma casa e o aluguel é muito caro”, explica.

No local havia muitas pessoas com veículos, alguns até seminovos. Questionado se havia pessoas donas de imóveis em outros lugares participando, Gleisson disse que não poderia garantir que todos os participantes sejam de fato pessoas sem casa ou terreno.

Ele acrescentou que, numa das áreas, os invasores estão dividindo terrenos em chácaras. Na tarde de ontem havia vários focos de incêndios na região, que estariam sendo feitos pelos participantes da invasão.

A reportagem entrou em contato com a assessoria de imprensa da Fibria no início da tarde desta quinta-feira, que confirmou que as áreas invadidas são da empresa. Acrescentou que a Fibria estará tomando providências judicias para retomar a área.

Origem

Sob a condição do anonimato, outro homem que participa da invasão, disse serem da região de Jacaraípe parte dos invasores, mas que há gente de outros bairros da Serra.

Um proprietário rural da região, que também não quer ser identificado, disse pertencerem à Fíbria (ex – Aracruz Celulose) os terrenos invadidos. Segundo ele, além de cortar e queimar eucaliptos, os invasores estariam fazendo o mesmo em fragmentos de mata atlântica.

Ele acresentou que os donos de áreas rurais na região estão apreensivos com a possibilidade de terem seus terrenos invadidos também e que novas invasões estariam surgindo do trecho da rodovia próximo a Nova Almeida. E denunciou que a ação teria o suporte de uma igreja evangélica e um vereador da Serra ligado a essa instituição.

 

Carapina

Outra invasão de grande porte aconteceu no início do mês na Serra. Foi no terreno às margens do Contorno de Vitória (BR 101) entre Jardim Carapina e o condomínio Alphaville Jacuhy, numa área de 2 milhões de m2. Essa invasão foi desfeita após execução de quatro mandados de reintegração de posse no último dia 16 de setembro, numa mega operação da PM, em nome dos proprietários da área.

Comentários

Mais notícias

Saiba onde fazer doações para vítimas das chuvas

Uma corrente de solidariedade está mobilizando moradores da Serra. Trata-se do recolhimento e distribuição de donativos às vítimas das chuvas, que estão castigando a...

Qual é o peso do ex-deputado federal Manato na sucessão serrana de 2020?

Carlos Manato é sem dúvidas um dos grandes líderes da política capixaba na atualidade! De 2002 a 2014, ele foi eleito deputado federal quatro...

Espaço Cidadão da Assembleia Legislativa vence prêmio nacional

O projeto “Espaço Assembleia Cidadã” elevou a Assembleia Legislativa do Espírito Santo ao patamar de melhor atendimento ao cidadão no país. A escolha, feita...

Após nove horas interditada, BR-101 é liberada na Serra

Após ficar por nove horas interditada em diversos pontos, a BR-101 foi liberada na Serra. Segundo informações da Eco 101, concessionária que administra a...

Você também pode ler

Comentários
javascript:void(0)
close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!