23.6 C
Serra
sexta-feira, 03 de julho de 2020

Indústria investe R$ 13 milhões na ampliação do Senai no município

Leia também

Viviane Miranda fará segunda live solidária no dia 12 de julho

A cantora Viviane Miranda, moradora de Feu Rosa, na Serra, fará sua segunda live solidária no próximo dia 12...

Como fica o direito da gestante a um acompanhante no momento do parto durante a pandemia

O direito a um acompanhante durante o parto é garantido pela lei federal nº 11.108 de 2005 (lei do...

Serra ultrapassa oito mil casos confirmados de coronavírus e atinge 320 mortes

Seguindo na liderança de casos confirmados de coronavírus no Espírito Santo, a Serra já ultrapassou a triste marca de...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Um dos cursos oferecidos pelo Senai será o de Movimentação de Cargas. Foto: Arquivo TN/Fábio Barcelos
Um dos cursos oferecidos pelo Senai será o de Movimentação de Cargas. Foto: Arquivo TN/Fábio Barcelos

Por Ayanne Karoline

O Sistema Findes está investindo cerca de R$ 13 milhões na duplicação do Senai Civit. Com a ampliação, a unidade ganhará novas vagas em diversos cursos. Atualmente, a escola tem capacidade para mais de 15,6 mil alunos/ano, considerando os cursos de longa e curta duração. A previsão é que as obras sejam concluídas no primeiro semestre deste ano.

O acréscimo na área será de mais de 2,4 mil metros quadrados para salas de aula, oficinas e laboratórios. Entre os novos cursos previstos estão: Segurança do Trabalho, Eletrotécnica, Eletroeletrônica, Eletricidade Industrial, Movimentação de Cargas, Serralheria, Soldagem, Caldeiraria, Segurança do Trabalho e Tecnologia da Informação, entre outros.

Segundo o presidente do Sistema Findes, Marcos Guerra, as características industriais da Serra justificam o investimento.  “O Centro Integrado localizado no Civit está no coração da indústria da cidade, que é, por sua vez, o município mais industrial do Estado. Nossos investimentos buscam atender demandas específicas do setor produtivo local, graças também ao trabalho de aproximação que realizamos com as lideranças industriais do município, ouvindo, dialogando e desenvolvendo soluções em conjunto”, destaca.

A obra da unidade da Serra faz parte de um pacote previsto no Plano de Investimentos da atual gestão. Só este ano, a Findes deve investir R$ 83,4 milhões em 11 obras. O trabalho prioriza a educação e a interiorização do desenvolvimento, beneficiando moradores de diferentes regiões.

Escola do plástico

Em 2015, o Senai investiu cerca de R$ 28 milhões em estrutura, compras de máquinas e equipamentos, além de reformas de laboratórios. Somente na Serra, foram R$ 4 milhões destinados à Escola Senai do Plástico, que fica dentro da unidade de Civit e que promoveu 800 vagas para qualificar profissionais no segmento do plástico.

Com 600 metros quadrados, a escola é formada por cinco espaços didáticos para atividades práticas do curso Técnico em Plástico e demais cursos de qualificação e aperfeiçoamento profissional no segmento: laboratório de projetos e concepção de moldes; ferramentaria; manufatura do plástico; ensaios mecânicos do plástico; e laboratório de hidráulica e pneumática. Dentre as qualificações, estão os cursos de Ferramenteiro; Operador de Extrusão; Operador de Termoformagem; e Operador de Impressão Dry Off Set.

 

Comentários

Mais notícias

Como fica o direito da gestante a um acompanhante no momento do parto durante a pandemia

O direito a um acompanhante durante o parto é garantido pela lei federal nº 11.108 de 2005 (lei do acompanhante), que alterou a lei...

Serra ultrapassa oito mil casos confirmados de coronavírus e atinge 320 mortes

Seguindo na liderança de casos confirmados de coronavírus no Espírito Santo, a Serra já ultrapassou a triste marca de oito mil moradores infectados e...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!