Incêndio nas turfas castiga moradores da Serra

0
Turfas-br1
Situação das turfas no último dia 22. Foto: Arquivo TN / Bruno Lyra

Por Gabriel Almeida

O feriado desta segunda-feira (12) ficou marcado pelo mau cheiro. Isso porque segundo moradores da região de José de Anchieta e Jardim Tropical a fumaça das turfas atrapalharam o sono de quem mora na região.

A presidente da comunidade de José de Anchieta II, área que fica próximo as turfas, Maria do Carmo “Lilico”, disse que recebeu reclamações de vários moradores do bairro. “Já acordei com alguns populares reclamando da catinga da fumaça”, afirma “Lilico”.

Já o morador de Jardim Tropical, Aires Dório Ribeiro, disse que o bairro também foi afetado pela fumaça. “Acordei a noite e não consegui dormir mais. Algo tem que ser feito antes que a situação piore”, afirma.

O mau cheiro também foi sentindo por moradores de Jardim Limoeiro, isso é o que afirma Rafael Viana. “Fui tirar uma soneca a tarde e acordei por volta das 18h com o fedor da fumaça e não consegui mais dormir pois o cheiro estava muito forte”, explica o popular.

Combate continua

O Capitão Olimar Rosa, diretor da Defesa Civil da Serra disse que o combate nas áreas das turfas continua sendo feito em parceria com o Corpo de Bombeiros. O objetivo é não deixar que o incêndio se alastre.  “Estamos trabalhando para que a situação não piore”, explica o Capitão Rosa.

Olimar ainda disse que o fogo no local, mais uma vez, foi colocado por algum morador. “Mesmo com as conscientizações que estamos realizando os moradores continua colocando fogo próximo a área de turfas. Até um foguete que for lançado em direção as turfas pode causar um incêndio”, indaga.

A população pode denunciar os envolvidos neste ou qualquer outro incêndio não só na região mas em outras áreas da Serra nos telefones 199, 99949-8612, 999389500, 3338-1756.

 

Comentários