• CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 33.518 casos
  • 683 mortes
  • 32.183 curados
29 C
Serra
sábado, 16 janeiro - 2021
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 33.518 casos
  • 683 mortes
  • 32.186 curados

Futebol feminino de Planalto Serrano vende biscoito para representar a Serra em torneios oficiais

Leia também

ES recebe 1,5 milhão de seringas para vacinação contra a Covid-19

Chegou ao Estado na manhã deste sábado (16), a primeira remessa de 1,5 milhão de seringas que serão utilizadas...

Advogado mata adolescente que tentava assaltar mulher na Serra

Um adolescente foi morto, na tarde desta sexta-feira (15), ao tentar assaltar uma mulher na avenida Talma Rodrigues Ribeiro,...

Prefeitura fiscaliza bares para flagrar aglomeração e conter Covid-19 na Serra

Pensando em conter o avanço do coronavírus e conscientizar a população, a Prefeitura da Serra está intensificando ações de...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há 25 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

O América ES já participou de diversos campeonatos e em dezembro irá para Colatina disputar o Estadual de 7. Foto: Divulgação

Um time de futebol feminino da Serra está lutando para participar de competições oficiais e profissionais – como todo projeto as dificuldades para se manter são imensas e vão desde local para treinar a custos com transporte e viagens.

O América ES, de Planalto Serrano, atende 22 meninas, com idade entre 12 e 14 anos que amam o esporte e querem uma oportunidade para deslanchar na carreira de atleta. Para conseguir participar das competições, o técnico do clube e as jogadoras vendem biscoito de porta em porta e em comércios, fazem rifas e muitas vezes investem dinheiro de seu próprio bolso para dar luz ao sonho de se tornar jogadoras profissionais.

Segundo Costa, que é o técnico do América ES, o projeto surgiu há quatro anos e há 12 meses, começou as atividades como time. “O clube começou por meio de esposas e namoradas de atletas do time masculino. Trabalhamos com meninas do Planalto Serrano e bairros adjacentes. Hoje temos 22 meninas no time A e B. Mas nosso projeto é liberado para jovens acima de 12 anos que queiram um espaço no futebol e que tem compromisso com o esporte. Nossa equipe principal já conta com meninas acima de 14 anos com grandes talentos. O espaço do América ES é aberto para todas”, conta Costa.

Em apenas um ano, as meninas do América ES já conseguiram participar de competições oficiais como a Copa ES, Taça ES, Copa América, Copa Serrana e Copa Silme. “Agora estamos treinando para os torneios Metropolitano e o Estadual de 7, este último vamos brigar por uma vaga no Brasileiro”, destaca o técnico.

No Estadual de 7, as meninas vão estrear no campeonato no próximo dia 18, às 20h15, em Colatina, contra o time do Vila Nova Futebol Feminino. No dia 19, o América também vai duelar, às 11h, contra o Sport Club Arsenal e às 17h30, contra o Colatina F7. Os jogos acontecem também em Colatina.

Para participar da competição, as meninas vendem biscoitos que são comprados com dinheiro das próprias atletas e também do técnico Costa. “Compramos os produtos de uma empresa de Minas Gerais e revendemos. Também fazemos rifas e eu completo muitas vezes os valores que faltam com dinheiro do meu próprio bolso”, explica.

Convite para Copa do Brasil

Costa conta que a equipe do América ES foi convidada para participar da Copa do Brasil de futsal, que acontecerá em Santa Catarina. Convite ainda não aceito por falta de verba.

“Fomos convidados para disputar a Copa do Brasil de futsal que vai acontecer em Santa Catarina. Os custos são altos, mas estamos tentando fazer de tudo para irmos, pois pensamos no futuro dessas atletas. Nós ainda não sabemos se vamos, mas estamos lutando para que sim. Se alguém empresário, comerciante quiser nos ajudar, apoiando este projeto, pode entrar em contato comigo pelo 27 98124-6865”, declara.

Costa também pontua uma dificuldade simples de resolver, mas que tem gerado muitas complicações para as meninas: um local para treinar. “Espaço para treinar as meninas é uma das nossas dificuldades. Nós treinávamos no Campo do Armezinio, no Bloco A, aqui mesmo em Planalto Serrano. Hoje não podemos mais treinar lá e foi uma luta para achar outro espaço, chegamos a pagar para utilizar outros espaços. Esta semana, o líder comunitário do bairro Pitanga vendo as nossas dificuldades cedeu a quadra para que nós treinássemos, porém os gastos com transporte são grandes”.

Costa conta que o ideal seria continuar o treinamento em Planalto Serrano. “Faço aqui o apelo ao responsável pelo campo do Planalto Serrano do Bloco A que dê uma atenção especial para nosso projeto, pois estamos tendo gasto muito grande para sair com a equipe e treinar em outros bairros. Nós somos uma equipe que representa o bairro em grandes competições e estamos tendo essa dificuldade. Infelizmente, o futebol feminino ainda é muito desvalorizado”, finaliza o técnico.

Confira algumas fotos das meninas do América ⬇️

Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há 25 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!