• CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 41.410 casos
  • 767 mortes
  • 40.067 curados
24 C
Serra
quarta-feira, 03 março - 2021
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 41.410 casos
  • 767 mortes
  • 40.067 curados

Falha em bomba da Cesan está poluindo lagoas da Serra com esgoto, denuncia vereador

Leia também

Festival Voadora terá 12 shows autorais com destaques da música capixaba  

Cento e oitenta e seis projetos foram inscritos para o processo de seleção do Festival Voadora, cujas apresentações acontecem entre...

Detran implanta exame teórico digital na Ciretran Serra Sede e facilita vida de moradores

O município da Serra receberá mais uma Sala de Exames Teóricos digital do Departamento Estadual de Trânsito do Espírito...

Vereador defende regulamentação do serviço de mototáxi na Serra

  Por meio do Projeto Indicativo de Lei 43/2021, o vereador Pablo Muribeca (Patriota) defende a regulamentação do serviço de...
Redação Jornal Tempo Novohttp://WWW.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

Anderson é morador da região e vereador. Foto: Divulgação

O suposto crime ambiental que vitimou milhares de peixes na Lagoa de Carapebus segue dominando a pauta ambiental da Serra. Dessa vez, o vereador eleito e morador da região, Anderson Muniz, conversou com a reportagem do jornal TEMPO NOVO e denunciou que algumas elevatória da Cesan/Ambiental Serra não estão funcionando. Segundo ele, isso poderia ser um dos motivos para a mortandade na lagoa e também pode ocasionar em cenas semelhantes em outros mananciais.

As elevatórias são construídas com o objetivo de bombear o esgoto das partes mais baixas e carreá-los até as estações de tratamento mais próximas. Quando esses equipamentos não estão funcionando, o esgoto acaba descendo de volta e extravasando para os mananciais atingindo as bacias e micro bacias da região.

É o que pode ter acontecido na Lagoa de Carapebus, de acordo com o vereador Anderson Muniz, que esteve em uma ação de fiscalização e identificou pelo menos duas elevatórias sem funcionamento.

“Muito se fala sobre moradores jogarem esgoto, mas pouco se fala da má qualidade do serviço prestado pela Cesan. A bomba das elevatórias que eu fiscalizei não estão funcionando e ocorre o extravasamento e atinge a lagoa. Antes de responsabilizar a população, devemos responsabilizar a empresa, pois pagamos uma taxa de 80% a mais na conta de água”, disse o parlamentar.

Em vídeo, o vereador mostrou um PV da Cesan no final da rua Noemi Costa Dominguez em Praia de Carapebus, do qual mostra esgoto transbordando e caindo na Lagoa do Baú, vizinha a Lagoa de Carapebus.

“Essa situação em Praia de Carapebus é muito similar ao que está ocorrendo na Lagoa de Carapebus, da qual ocorreu a mortandade de peixes. Esse é o tratamento que a Cesan tem dado as nossas comunidades. A Cesan tem conhecimento desse sistema defeituoso, de uma bomba que não funciona. A empresa não tem controle e nem faz manutenção”, denunciou.

A reportagem está em contato com a Cesan/Ambiental Serra. Assim que a demanda for respondida, essa matéria será atualizada.

Redação Jornal Tempo Novohttp://WWW.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Saiba mais
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!