23.2 C
Serra
quarta-feira, 25 de novembro de 2020

Estado fará reunião para avaliar medidas contra avanço da Covid-19

Leia também

Serra tem 327 mil eleitores e maioria de aptos a votar é mulher

Neste domingo (29) acontece o segundo turno da eleição municipal que irá escolher o próximo prefeito da Serra. No...

Serra registra mais seis moradores mortos e 382 novos casos de Covid-19 em 48h

O número é assustador: 589 moradores da Serra foram mortos pelo coronavírus em apenas nove meses. A cidade chegou...

Serra tem aumento de 1.045% nos casos de chikungunya e especialista fala em surto

Em meio à pandemia causada pelo coronavírus, outra doença tem tirado o sono de moradores da Serra. Trata-se da...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Reunião será hoje (18) pela manhã com diversas entidades. Foto: Divulgação

Devido ao crescimento dos casos de infecção por coronavírus no Espírito Santo, ameaçando interromper a queda de óbitos e a redução da ocupação de leitos de UTI, o governador Renato Casagrande anunciou em seu Tweeter no final da noite da última terça (17) uma reunião com entidades da sociedade como líderes religiosos, Assembleia Legislativa, Ministério Público, entre outros para avaliar a situação.

Confira o tweet:

A Serra voltou a liderar o triste e preocupante ranking de óbitos causados pelo Covid-19 no Espírito Santo. De acordo com a última atualização divulgada pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa).

Segundo os dados mais recentes publicados no Painel Covid-19, a Serra já registra, no total, 21.870 pessoas que foram infectadas, 564 mortes e 20.666 moradores considerados curados da doença. Ainda de acordo com a Secretaria de Saúde, existem outros 30.763 moradores do município que podem estar infectados pelo coronavírus. No momento, eles aguardam o resultado dos testes já realizados.

Além de liderar o número de mortes, a Serra também é a segunda cidade com mais casos no ES. No ranking de óbitos, a cidade está empatada com Vila Velha – as duas lideram o levantamento. No entanto, a situação da Serra é ainda mais complicada, já que a taxa de letalidade está mais alta: 2,6%. O município canela verde 2,2%.

A situação preocupa as autoridades de saúde, já que os fins de semana têm sido de muitas aglomerações em praias, bares e outros locais das cidades capixabas e isso pode ocasionar um novo aumento de casos fatais e internações. É importante lembrar que desde o início da pandemia, a Serra sempre esteve entre as cidades mais afetadas pela doença, inclusive chegou a liderar o número de óbitos por várias semanas consecutivas.

Bairros com mais casos e mortes

Os bairros da cidade com o maior número de óbitos são: Bairro das Laranjeiras (28), Feu Rosa (28), Nova Carapina I (22), Vila Nova de Colares (22), Cidade Continental (18), José de Anchieta I (18), Parque Residencial Laranjeiras (18), Barcelona (17), Planalto Serrano (17), Jardim Carapina (14) e Jardim Tropical (13).

Das mortes na cidade, a grande parte é de idosos ou pessoas com comorbidades, mas também houve registro de moradores mais jovens, com 32 e 43 anos. Nesse caso, sem informações sobre comorbidades.

Colina de Laranjeiras é o bairro com maior número de casos confirmados de coronavírus na Serra e já tem 1.050 confirmações. Em segundo lugar vem Feu Rosa, com 868. Ainda conforme apurado pelo TEMPO NOVO, no Painel Covid-19 – espaço onde o Estado contabiliza os dados do novo coronavírus – o Espírito Santo tem, no total, 171.237 confirmações, 4.030 mortes e 158.852 curados.

 

Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!