27.7 C
Serra
terça-feira, 02 de junho de 2020

Empresas podem ser obrigadas a contratar presidiários e ex-detentos para execução de obras

Leia também

Nove de cada dez leitos para covid já estão ocupados na Grande Vitória

A Região Metropolitana, da qual a Serra, faz parte, esta com ocupação de leitos de UTI, segundo dados do...

Casagrande anuncia novos leitos e não descarta medidas mais duras de distanciamento social

Na noite desta segunda-feira (1) o governador do Estado, Renato Casagrande (PSB), anunciou que nas últimas horas o Governo abriu...

Obra emergencial para mar não derrubar poste gera polêmica em Manguinhos

Na última semana a Prefeitura da Serra teve que fazer uma contenção emergencial para que um poste não fosse...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Detentos e ex-detentos devem trabalhar nas obras de presídios. Foto: Divulgação
Detentos e ex-detentos devem trabalhar nas obras de presídios. Foto: Divulgação

Tramita na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei 35/2015, que altera a Lei das Licitações (8.666/93), que possibilitará a empresas vencedoras de licitação contratem presidiários e ex-detentos para a execução de obras e serviços em estabelecimentos prisionais. O projeto é do deputado federal Sérgio Vidigal (PDT).

De acordo com o projeto, nos casos em que houver essa exigência, o edital da licitação deverá prever o quantitativo de vagas, os termos e as condições para a contratação dessas pessoas.

Na atual redação, a Lei de Licitações não prevê normas para o emprego de pessoas específicas em obras ou serviços em prisões.

Para o deputado, o projeto vai promover a dignidade dos presos e sua ressocialização por meio do trabalho e da garantia de direitos fundamentais.

A proposta foi apensada ao PL 4014/12. Ambas serão analisadas, em caráter conclusivo – não precisa ser votado em plenário – pelas comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado; de Finanças e Tributação (inclusive quanto ao mérito); e Constituição e Justiça e de Cidadania.

Comentários

Mais notícias

Casagrande anuncia novos leitos e não descarta medidas mais duras de distanciamento social

Na noite desta segunda-feira (1) o governador do Estado, Renato Casagrande (PSB), anunciou que nas últimas horas o Governo abriu leitos de UTI e enfermaria...

Obra emergencial para mar não derrubar poste gera polêmica em Manguinhos

Na última semana a Prefeitura da Serra teve que fazer uma contenção emergencial para que um poste não fosse derrubado pelo mar, que está...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!