25.8 C
Serra
quarta-feira, 22 de janeiro de 2020

É da Serra a melhor paratleta do tiro esportivo do Brasil

Leia também

Uma tonelada de ração para animais vítimas das chuvas no interior

Uma tonelada de ração será enviada para os animais dos municípios do interior do estado que foram atingidos pelas...

Erick Musso convoca deputados para aprovar pacote de ajuda para os atingidos pela chuvas

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Erick Musso (Republicanos), deve convocar o plenário extraordinariamente, na próxima segunda-feira (27), atendendo...

Pele Morena e congo encerram as atividades da Arena Procon hoje (22) em Jacaraípe

A Arena Procon Serra está se despedindo da praia de Jacaraípe nesta quarta-feira (22). Além das atividades que duram...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

O paratleta Eloisa é moradora de Jacaraípe e tem 36 anos. Foto: ArquivoTN/Fábio Barcelos

A paratleta Eloisa Miranda Fernandes conquistou mais um título no último final de semana. Em terras cariocas, a serrana conquistou o título feminino do Campeonato Brasileiro da modalidade na categoria Pistola de Ar.

A disputa aconteceu no Centro Militar de Tiro Esportivo, palco provas nas Olimpíadas do Rio de Janeiro. No Brasileiro, Eloisa também trouxe para casa o vice-campeonato na Prova Mista de 10mm e bronze na Prova Mista Pistola Sport 25mm.

Participaram do torneio cerca de cinquenta atletas de diversos estados brasileiros como Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro e Mato Grosso. “Visto que é a competição mais importante do ano a disputa foi bem acirrada. Consegui me sagrar campeã brasileira na prova feminina ficando em primeiro lugar no ranking e segundo no ranking de provas mistas. Estou muito feliz com os resultados. Agora aguardo o calendário de 2020”, destaca a paratleta.

Eloisa irá descansar do tiro e volta à ativa somente em janeiro. “Descansar também é treinar”.

A paratleta tem de 36 anos e mora em Jacaraípe. Normalmente Eloisa treina três vezes por semana no Clube Álvares Cabral, do qual ela faz parte, e duas vezes em Jardim Carapina.

Eloisa tem paraparesia – que é a perda parcial dos movimentos nos membros inferiores – e pratica o tiro esportivo há cinco anos. A serrana realiza diversas provas no tiro esportivo: Pistola de ar Feminino, em que ficou na 1ª colocação no ranking nacional em 2018; Pistola Standard, com a 2ª colocação no ranking do mesmo ano; Pistola Sport 25m, em que foi a 2ª colocada também no ano passado; e Pistola Livre 50m.

A paratleta é do Álvares Cabral e luta para que o tiro esportivo seja reconhecido no ES e no país.

Comentários

Mais notícias

Erick Musso convoca deputados para aprovar pacote de ajuda para os atingidos pela chuvas

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Erick Musso (Republicanos), deve convocar o plenário extraordinariamente, na próxima segunda-feira (27), atendendo ao pedido do governador Renato...

Pele Morena e congo encerram as atividades da Arena Procon hoje (22) em Jacaraípe

A Arena Procon Serra está se despedindo da praia de Jacaraípe nesta quarta-feira (22). Além das atividades que duram o dia todo, vai ter...

Sede recebe palestras sobre história e ciclo folclórico da Serra

Acontecem nesta quarta-feira (22) às 18h no auditório da Câmara Municipal, duas palestras promovidas pela Associação Comercial e Empresarial da Serra Sede (Acess) ....

Festival de Doces com quindim gigante em Nova Almeida

O Festival de Doces que acontece no fim da próxima semana, na Praça dos Pescadores, em Nova Almeida tem a mão da ex-vereadora e...

Você também pode ler

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!
Precisa falar com o Tempo Novo? Envie sua mensagem