28.7 C
Serra
sábado, 22 janeiro - 2022
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 71.679 casos
  • 1.485 mortes
  • 69.752 curados

Comércios da Serra serão multados em até R$ 11 milhões por enganar clientes na Black Friday

Leia também

Serra terá dois novos pontos de testagem de Covid-19 | Confira

Diante do crescente número de casos positivos de Covid-19 registrados nos últimos dias, a procura por testes aumentou e...

Avanço explosivo da Ômicron adoece 1.550 pessoas na Serra em 24h

A circulação da variante Ômicron em território capixaba tem causado um aumento explosivo de novos casos da Covid-19 na...

Serra volta para risco moderado e pode sofrer restrições devido ao avanço da Covid-19

Devido ao aumento de casos de coronavírus e mortes causadas por complicações da Covid-19, a Serra voltou a ser...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br
Gabriel Almeida é jornalista do Tempo Novo há mais de sete anos. Atualmente, escreve para diversas editorias do jornal.

A ação aconteceu na última sexta-feira (26) e o sábado (27) na região de Laranjeiras, na Serra. Foto: Divulgação

Prometendo preços especiais, mas enganando clientes com supostos descontos em mercadorias na Black Friday, nove estabelecimentos situados na região de Parque Residencial Laranjeiras foram autuados pelo Procon da Serra. A ação aconteceu na última sexta-feira (26) e o sábado (27) na região de Laranjeiras, na Serra.

O Procon da Serra entendeu que estes estabelecimentos estavam praticando propagando enganosa ou abusiva, além de outros descumprimentos das regras do Código de Defesa do Consumidor.

As principais irregularidades constatadas foram: falta de informação acerca do valor anteriormente vigente à promoção (de acordo com a Lei 11.377/21), indisponibilidade de exemplar do Código de Defesa do Consumidor em local visível, produtos expostos em vitrine sem preço ou somente com o valor à vista, exposição de placas publicitárias com informação em língua estrangeira, dentre outras.

Os fiscais percorreram o comércio da Avenida Central de Laranjeiras, dois shoppings do município, além de supermercados. Os autuados foram sete lojas e dois supermercados que poderão pagar multas cujos valores variam de R$ 740 a mais de R$ 11 milhões.

Desde o início do mês, o Procon Serra vem promovendo diversas abordagens educativas a estabelecimentos comerciais, a fim de orientar a respeito da necessidade do cumprimento do Código de Defesa do Consumidor durante as promoções da Black Friday.

Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br
Gabriel Almeida é jornalista do Tempo Novo há mais de sete anos. Atualmente, escreve para diversas editorias do jornal.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!