22.3 C
Serra
segunda-feira, 03 de agosto de 2020

Com mais cinco moradores mortos em 24h, Serra já registra 419 óbitos pela Covid-19

Leia também

Opinião: Mulheres na política em busca de representatividade

ARTIGO DE OPINIÃO DE AUTORIA DE ALEXSANDRA VERTUANI A luta pelos direitos das mulheres vem progredindo não só no Brasil,...

Bruno Lamas afasta dúvidas e garante que vai disputar a Prefeitura da Serra

O deputado estadual Bruno Lamas (PSB) garantiu que a sua decisão de disputar a Prefeitura da Serra no próximo...

Vale promove testagem em massa no Pará, porque não fazer na Grande Vitória também?

Uma ação da Vale realizada na cidade de Parauapebas, no sudeste do Pará, está entre as iniciativas sociais mais...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Na foto, UTI do Hospital Jayme dos Santos Neves, que é referência no atendimento ao coronavírus. Foto: Divulgação / Sesa

Seguindo na liderança do número de mortes causadas pela Covid-19 no Espírito Santo, a Serra segue registrando óbitos diários da doença. Em apenas 24 horas, mais cinco moradores da cidade não resistiram e morreram por causa do coronavírus. Os dados foram divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) e são válidos até as 17 horas desta quinta-feira (30), quando será publicada uma nova atualização.

De acordo com os dados mais recentes publicados no Painel Covid-19, a Serra já registra, no total, 419 mortes pelo vírus, 10.298 pessoas que foram infectadas e 8.446 moradores já curados da doença. Apesar dos números serem tristes e preocupantes, segundo o Governo do Estado e um estudo feito por pesquisadores de São Paulo, o município vem demonstrando uma certa desaceleração nas confirmações diárias.

Isso não significa que a cidade parou de ter mortes por coronavírus, mas sim que em comparação aos meses anteriores, a Serra registra menos casos por dia. Mesmo assim, as medidas de segurança para conter o avanço do vírus continuam sendo extremamente necessárias, como o uso de máscara e o distanciamento social. Vale destacar que o município também é o terceiro com mais infectados no ES.

Os bairros da cidade com o maior número de óbitos são: Feu Rosa (23), Bairro das Laranjeiras (21), Nova Carapina I (19), Vila Nova de Colares (18) e Morada de Laranjeiras (16). Das mortes na cidade, a grande parte é de idosos ou pessoas com comorbidades, mas também houve registro de moradores mais jovens, com 32 e 43 anos. Nesse caso, sem informações sobre comorbidades. A taxa de letalidade da Serra é 4,07%.

Colina de Laranjeiras voltou a ser o bairro com maior número de casos confirmados de coronavírus na Serra e já tem 436 confirmações. Em segundo lugar vem Feu Rosa, com 432. Ainda conforme apurado pelo TEMPO NOVO, no Painel Covid-19 – espaço onde o Estado contabiliza os dados do novo coronavírus – o Espírito Santo tem, no total, 80.647 confirmações, 2.490 mortes e 64.239 curados.

Comentários

Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Mais notícias

Bruno Lamas afasta dúvidas e garante que vai disputar a Prefeitura da Serra

O deputado estadual Bruno Lamas (PSB) garantiu que a sua decisão de disputar a Prefeitura da Serra no próximo dia 15 de novembro não...

Vale promove testagem em massa no Pará, porque não fazer na Grande Vitória também?

Uma ação da Vale realizada na cidade de Parauapebas, no sudeste do Pará, está entre as iniciativas sociais mais bem sucedidas na luta contra...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!