21.6 C
Serra
quinta-feira, 04 de junho de 2020

Com corte de Bolsonaro, Ifes da Serra pode fechar as portas em setembro

Leia também

Para conviver com filhos, pais separados devem se adaptar na quarentena

Este artigo não remete necessariamente a opinião do Portal Tempo Novo, mas sim do advogado Leandro Sarnáglia. Desde o início...

Serra vai acolher idosos positivos para Covid-19 em hotel durante quarentena

A Prefeitura da Serra oferece uma nova modalidade de acolhimento no município para idosos e pessoas com deficiência. O...

Em live, prefeito da Serra e do Macapá discutem gestão e pandemia nesta quarta

Os prefeitos Audifax Barcelos (Rede), da Serra, e Clecio Luiz, do Macapá, realizam live nesta quarta-feira (3) para discutir...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Atualmente, o Ifes da Serra atende 1.587 alunos e pode parar de funcionar em setembro, por conta do corte de verbas do Governo Bolsonaro. Foto: Gabriel Almeida

Com a decisão do Governo Bolsonaro de cortar 30% dos recursos dos institutos e universidades federais, o Instituto Federal do Espírito Santo (Ifes) de Manguinhos, Serra, só terá verba para funcionar até setembro deste ano. A estimativa da administração do campi serrano diz que após essa data, o instituto poderá fechar as portas já que não terá como pagar contratos de serviços essenciais para o funcionamento da unidade como segurança, limpeza, água, luz, entre outros gastos.

O Tempo Novo conversou com o diretor de administração e planejamento, Emerson Atílio, que disse ter sido surpreendido com a decisão do Ministério da Educação (MEC). De acordo com o diretor, o Instituto já vem sofrendo com redução nas verbas desde 2017.

Emerson afirma ainda que o Campus Serra pode fechar antes mesmo de setembro,  caso ocorra algum gasto a mais até lá. “A gente já estava trabalhando no mínimo. Quando vem um corte desse de 30% vamos ter que tirar mais ainda para se adequar. Um exemplo é um aumento na conta de energia ou na conta de água que pode acontecer. Nós temos uma estimativa. Chego até setembro e depois eu não tenho da onde tirar mais (dinheiro)”, alerta.

O Ifes já teve que realizar reduções no contrato de vigilância, limpeza e manutenção predial. “A parte da segurança é a mais sensível, pois estamos em um lugar ermo, não tem muita gente aqui. A manutenção predial eram seis pessoas no ano passado e agora temos apenas dois e é bastante serviço. Aí vem um corte de 30% e só vamos chegar até setembro”, explica o diretor.

Na última sexta-feira (03), o Ifes emitiu uma nota informando que o bloqueio feito pelo Ministério da Educação, representa 38% do custeio da instituição em todo o ES. Bruto, o valor do contingenciamento é de R$ 25 milhões. Na noite do mesmo dia, os alunos do Ifes realizaram um protesto contra a medida do MEC em Vitória. A manifestação contou com a participação de estudantes da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), que também estão sendo impactados por cortes na verba daquela instituição. Cerca de 500 pessoas participaram do ato.

Atualmente o Campus da Serra oferta cursos Técnico Integrado, Técnico, Superior e Mestrado Profissional nas áreas de Informática e Automação Industrial. O instituto também conta com salas de aula climatizadas, biblioteca ampla e laboratórios bem equipados. O Ifes da Serra atende 1.585 estudantes. Já no Espírito Santo, os 22 campi do Ifes atendem 35.664 alunos.

Comentários

Mais notícias

Serra vai acolher idosos positivos para Covid-19 em hotel durante quarentena

A Prefeitura da Serra oferece uma nova modalidade de acolhimento no município para idosos e pessoas com deficiência. O Hotel Praia Sol, localizado em...

Em live, prefeito da Serra e do Macapá discutem gestão e pandemia nesta quarta

Os prefeitos Audifax Barcelos (Rede), da Serra, e Clecio Luiz, do Macapá, realizam live nesta quarta-feira (3) para discutir temas referentes à pandemia do...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!