Com corte de Bolsonaro, Ifes da Serra pode fechar as portas em setembro | Portal Tempo Novo

Serra, 22 de maio de 2019

Portal Tempo Novo - O Portal da Serra, ES

Geral

Serra, 7 de maio de 2019 às 17:29

Com corte de Bolsonaro, Ifes da Serra pode fechar as portas em setembro

Por Gabriel Almeida
[email protected]

Atualmente, o Ifes da Serra atende 1.587 alunos e pode parar de funcionar em setembro, por conta do corte de verbas do Governo Bolsonaro. Foto: Gabriel Almeida

Com a decisão do Governo Bolsonaro de cortar 30% dos recursos dos institutos e universidades federais, o Instituto Federal do Espírito Santo (Ifes) de Manguinhos, Serra, só terá verba para funcionar até setembro deste ano. A estimativa da administração do campi serrano diz que após essa data, o instituto poderá fechar as portas já que não terá como pagar contratos de serviços essenciais para o funcionamento da unidade como segurança, limpeza, água, luz, entre outros gastos.

O Tempo Novo conversou com o diretor de administração e planejamento, Emerson Atílio, que disse ter sido surpreendido com a decisão do Ministério da Educação (MEC). De acordo com o diretor, o Instituto já vem sofrendo com redução nas verbas desde 2017.

Emerson afirma ainda que o Campus Serra pode fechar antes mesmo de setembro,  caso ocorra algum gasto a mais até lá. “A gente já estava trabalhando no mínimo. Quando vem um corte desse de 30% vamos ter que tirar mais ainda para se adequar. Um exemplo é um aumento na conta de energia ou na conta de água que pode acontecer. Nós temos uma estimativa. Chego até setembro e depois eu não tenho da onde tirar mais (dinheiro)”, alerta.

O Ifes já teve que realizar reduções no contrato de vigilância, limpeza e manutenção predial. “A parte da segurança é a mais sensível, pois estamos em um lugar ermo, não tem muita gente aqui. A manutenção predial eram seis pessoas no ano passado e agora temos apenas dois e é bastante serviço. Aí vem um corte de 30% e só vamos chegar até setembro”, explica o diretor.

Na última sexta-feira (03), o Ifes emitiu uma nota informando que o bloqueio feito pelo Ministério da Educação, representa 38% do custeio da instituição em todo o ES. Bruto, o valor do contingenciamento é de R$ 25 milhões. Na noite do mesmo dia, os alunos do Ifes realizaram um protesto contra a medida do MEC em Vitória. A manifestação contou com a participação de estudantes da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), que também estão sendo impactados por cortes na verba daquela instituição. Cerca de 500 pessoas participaram do ato.

Atualmente o Campus da Serra oferta cursos Técnico Integrado, Técnico, Superior e Mestrado Profissional nas áreas de Informática e Automação Industrial. O instituto também conta com salas de aula climatizadas, biblioteca ampla e laboratórios bem equipados. O Ifes da Serra atende 1.585 estudantes. Já no Espírito Santo, os 22 campi do Ifes atendem 35.664 alunos.




O que você acha ?

Você é a favor do decreto de Bolsonaro que facilitou o acesso às armas?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...

Veja também

Portal Tempo Novo

Rua Euclides da Cunha, 394 - sl 103 e 104 - Laranjeiras, Serra, ES

CEP:29165-310 - Tel: 27 3328-5765

Todos os direitos reservados ao Jornal Tempo Novo © Desenvolvido por