22.7 C
Serra
terça-feira, 11 de agosto de 2020

Colatinense faz trilha sonora de filme sobre tragédia do rio Doce

Leia também

Mais de 88% dos moradores da Serra infectados pela Covid-19 já estão curados

Com a diminuição nos números de mortes e casos confirmados de coronavírus, a Serra também tem registrado um aumento...

Retorno das aulas presenciais preocupa autoridades do Estado

Autoridades políticas criticam o anúncio do governo do Estado de que deve retornar as aulas, após o período de...

Opinião: professora diz que retorno às aulas é irresponsabilidade e vai expor profissionais e alunos ao coronavírus

* Fabíola dos Santos Cerqueira | Professora de Sociologia da rede estadual * Hilton Dominczak | Sociólogo Nos últimos cinco meses, desenvolvemos Pesquisas...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Cirinho do Rio Doce  fez a trilha sonora do documentário do ambientalista Ernesto Galiotto sobre a tragédia do Rio Doce, com a música “O lamento do Rio Doce e a tragédia de Mariana”. Foto: Divulgação
Cirinho do Rio Doce fez a trilha sonora do documentário do ambientalista Ernesto Galiotto sobre a tragédia do Rio Doce, com a música “O lamento do Rio Doce e a tragédia de Mariana”. Foto: Divulgação

No dia 24, cantador colatinense Cirinho do Rio Doce estará se apresentando em mais uma edição do projeto O canto do Vale do rio Doce, com Tunai. O show acontece em Linhares, no Clube Mata do Lago, a partir das 20h e o convite da mesa sai por R$200 para quatro pessoas. Para adquirir um convite basta entrar em contato pelo (27) 99857-9813.

Cirinho fez a trilha sonora do documentário do ambientalista Ernesto Galiotto sobre a tragédia do Rio Doce, com a música “O lamento do Rio Doce e a tragédia de Mariana”. O documentário será exibido em festivais brasileiros e em Berlim.

Cirinho Rio Doce é conhecido por promover, com o seu trabalho, um resgate da regionalidade por meio de temas ecológicos e tradições culturais. Natural de Colatina, ele iniciou na carreira artística cantando em festivais por várias regiões do Brasil e, principalmente, pelo Vale do Rio Doce. Cirinho é considerado pela imprensa como o maior cantador do Vale do Rio Doce e faz shows por todo o país, cantando as coisas do Vale do Rio Doce.

Sobre o documentário, Cirinho disse que segue sendo filmado rumo à Mariana. “É uma honra enorme essa participação e isso mostra que estamos no caminho certo, com composições autorais, sem apelos midiáticos ou fazer canção para ser parecer sexy ou engraçado, mas sim exaltando nossas raízes e tradições culturais. Música ruim passa, já a canção cultural como a que fazemos fica para sempre na história”, disse Cirinho.

Cirinho do Rio Doce é considerado pela crítica mineira como sendo o maior cantador do Vale do Rio Doce e mantém com a ajuda de amigos e recursos próprios o projeto “O Canto do Vale do Rio Doce” que já contou com as presenças dos amigos Paulinho Pedra Azul, Pedro Sampaio, Chico Lobo e Cláudio Nucci.

Para este ano, Cirinho lançará o sexto álbum da carreira, com arranjos de Robertinho do Recife, e com a presença de vários artistas, incluindo o violeiro Chico Lobo.

O produtor do documentário Ernesto Galiotto é um dos mais respeitados ambientalistas brasileiros fazendo pesquisas e expedições para regiões do país.

Comentários

Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Mais notícias

Retorno das aulas presenciais preocupa autoridades do Estado

Autoridades políticas criticam o anúncio do governo do Estado de que deve retornar as aulas, após o período de suspensão provocado pela pandemia com...

Opinião: professora diz que retorno às aulas é irresponsabilidade e vai expor profissionais e alunos ao coronavírus

* Fabíola dos Santos Cerqueira | Professora de Sociologia da rede estadual * Hilton Dominczak | Sociólogo Nos últimos cinco meses, desenvolvemos Pesquisas com alunos do Ensino Médio...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!