24.5 C
Serra
quinta-feira, 02 de julho de 2020

Cantora capixaba vai homenagear a ‘imortal’ Clara Nunes

Leia também

Ciclista é atropelada por carro na rodovia Audifax Barcelos na Serra

A falta de sinalização na rodovia Audifax Barcelos, principalmente na ciclovia, continua causando problemas para os ciclistas que precisam...

Mais sete moradores da Serra morrem por coronavírus e cidade já registra 316 óbitos

A Serra voltou a registrar grandes números diários de mortes causadas pelo coronavírus. Nas últimas 24 horas, a cidade...

Serra volta a ser a cidade com maior número de infectados pelo novo coronavírus

A Serra registrou 291 novos casos do novo coronavírus nas últimas 24 horas, segundo dados do Painel Covid-19 do...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Por Clarice Poltronieri

Monique vai interpretar sucessos imortalizados na voz de Clara Nunes, como o samba-enredo Portela na Avenida.

Em homenagem à cantora mineira Clara Nunes, cuja voz e performance marcaram a história do samba e da MPB, a capixaba Monique Rocha preparou o show “O Canto da Guerreira” que terá quatro apresentações na Grande Vitória.

A rodada de shows faz alusão ao aniversário de nascimento de Clara, que se definia como ‘mineira guerreira, filha de Ogum com Iansã’. Se estivesse viva a cantora completaria 73 anos no dia 12 de agosto. Clara Nunes foi um ícone do samba e da divulgação das tradições afro-brasileiras.

Sucessos como Portela na Avenida, Feira de Mangaio, Canto das Três Raças, Conto de Areia, O Mar Serenou e Morena de Angola prometem esquentar os palcos em Vitória e Vila Velha. Os shows acontecem sempre no mesmo horário, às 20h, e todos com preço bem em conta.

No primeiro sábado de apresentações (08), véspera do Dia dos Pais, a apresentação será no Cais da Barra, na Barra do Jucu, em Vila Velha, com participação da banda de congo Mestre Honório. Os ingressos serão vendidos no local por R$ 10.

No sábado seguinte (15), o palco será o clube Saldanha da Gama, em Vitória, com participação do sambista capixaba Edson Papo Furado e som mecânico do DJ Charlie Jr, com samba e suas vertentes. Ingressos no local a R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia).

Em 22 de agosto o show segue para o Theatro Carlos Gomes, em Vitória, com participação da Escola de Samba Piedade. Ingressos também no local a R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia).

Para fechar as apresentações, no dia 29, Monique estará no barzinho Casa de Bamba, no Centro de Vitória, para alegrar a vida dos boêmios. O couvert artístico será de R$ 10.

Comentários

Mais notícias

Mais sete moradores da Serra morrem por coronavírus e cidade já registra 316 óbitos

A Serra voltou a registrar grandes números diários de mortes causadas pelo coronavírus. Nas últimas 24 horas, a cidade - que antes vinham registrando...

Serra volta a ser a cidade com maior número de infectados pelo novo coronavírus

A Serra registrou 291 novos casos do novo coronavírus nas últimas 24 horas, segundo dados do Painel Covid-19 do Governo do Estado e volta...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!