25.7 C
Serra
terça-feira, 30 novembro - 2021
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 71.679 casos
  • 1.485 mortes
  • 69.752 curados

Calendário lunar 2022: entenda a força astrológica da Lua

Ano de 2022 conta com diversos eventos astrológicos importantes para a realização de projetos.

Leia também

Direitos Humanos | Serra vai ter mutirão para retificação de gênero e de nomes de pessoas trans

No dia 10 de dezembro se comemora o Dia Internacional dos Direitos Humanos.  E na Serra vai ter uma...

Prefeitura vai reforçar iluminação em bairros da Serra com extensões de rede

A Prefeitura da Serra, através da Secretaria de Serviços (Sese), anunciou que sete bairros da Serra vão ganhar reforço...

ES terá audiências públicas para mostrar diagnóstico de ações para reduzir riscos de inundações

Ao longo dos meses de dezembro deste ano e janeiro de 2022, o Governo do Estado, discutirá a macrodrenagem...
Redação Jornal Tempo Novo com informações de assessoriahttps://www.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

Imagem: Samer Daboul/Pexels

O ano de 2022 aproxima-se com a força de configuração do seu calendário lunar. Para entender o que isso significa, é preciso dimensionar a relevância da Lua para a vida na Terra, as suas fases e como outros eventos astrológicos relacionados podem influenciar os fatos e o clima do próximo ano.

 Como em todos os anos, as mudanças da Lua em 2022 vão desempenhar um papel na vida dos seres humanos. Segundo os estudos astrológicos, que são ferramentas de conhecimento de si, do outro e da convivência, a energia do satélite natural da Terra influencia a capacidade de as pessoas avançarem em seus projetos.

 Caso a Lua sumisse, por exemplo, toda a vida no planeta seria radicalmente afetada. Esse astro fica mais próximo da Terra do que o Sol e exerce uma força gravitacional que influencia as marés, a duração dos dias, a agricultura e as chuvas. Na astrologia, a vida humana é afetada pelo poder da Lua quanto às emoções, aos relacionamentos e aos afetos. Seus efeitos podem ser acompanhados por meio de consultas ao horóscopo diário. 

Para 2022, o calendário lunar vai contar com diversos eventos astrológicos de relevância e com potência para a realização de objetivos. A dica da astróloga Cláudia Lisboa, é aproveitar o céu do próximo ano, com mais confiança e força de ação para realizar desejos íntimos. Esses eventos são três superluas; dois eclipses solares parciais; dois eclipses lunares totais; e diversas chuvas de meteoros.

As fases da Lua

Como a luz da Lua vem do Sol, pois ela não tem iluminação própria, dependendo da sua posição em relação ao astro rei, ela aparece de diferentes maneiras. Formam-se, assim, as suas quatro fases, Lua Nova, Crescente, Cheia e Minguante.

 O calendário lunar contém informações de efeitos astrais que afetam a todos. “O céu é para todos e entender o que cada fase da Lua representa é uma forma de aproveitarmos a sua influência da melhor maneira em nosso dia-a-dia”, considera a astróloga Cláudia Lisboa.

 Na perspectiva de que a Lua traz consigo uma importância, é possível pensar que isso se estende não apenas às culturas do mundo inteiro, com suas diferentes simbologias. Segundo a astróloga, “os seus efeitos são observados também no comportamento humano e em diversos aspectos da vida terrestre”.

 A Lua conta com uma força gravitacional maior que a do Sol e é o astro mais rápido do sistema solar, graças à sua proximidade com a Terra. Ela completa uma volta no planeta em cerca de 28 dias e muda de fase a cada sete dias. Durante esse movimento, ela passa pelos 12 signos e fica em torno de dois dias e meio em cada um.

 De acordo com Cláudia, “cada fase da Lua pode ser interpretada de uma maneira e seu conjunto total forma um mosaico das nossas vidas em um determinado momento”. Ela ressalta que, em cada passagem dessa conjuntura, são despertados aspectos emocionais, carregando propósitos e energias peculiares.

As fases da Lua

A Lua Nova é a fase que dá início à lunação de um mês, representando o encontro entre Sol e Lua no mesmo signo. Segundo Cláudia, essa é a época de semeadura, de iniciar novos projetos e sonhos. “Um excelente momento para cuidar de nós mesmos, criar novos hábitos e novas metas. Há força de ação e ímpeto de mudança.”

 A Lua Crescente, por sua vez, representa movimento e acontece quando o Sol e a Lua estão alinhados a 90 graus, formando uma quadratura. Com os impulsos da luz, é a hora em que aquela semente que foi plantada na Lua Nova comece a brotar. “É tempo de colocar a mão na massa e firmar planos e projetos, pois há mais clareza dos desejos e do caminho de realização”, pontua a astróloga.

 O momento da realização chega com a Lua Cheia, quando o Sol e a Lua estão a 180 graus e localizados em signos opostos. Nessa fase, o satélite natural da Terra reflete a luz em seu ponto máximo, ficando completamente iluminado pelo Sol. É o instante de colher tudo o que foi plantado anteriormente, de cuidar de si mesmo e de valorizar a abundância e a sensibilidade da vida.

 A conclusão de uma lunação fica por conta da Lua Minguante que, iluminada pela metade, vai perdendo o brilho aos poucos, simbolizando o final de um ciclo. Para Cláudia Lisboa, “é um bom período para fazer uma limpeza de tudo aquilo que não serve mais, deixando ir toda energia que nos paralisa para finalizar os ciclos”.

Redação Jornal Tempo Novo com informações de assessoriahttps://www.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!