‘Bico’ nas praias ajuda  vendedor a tirar um extra  | Portal Tempo Novo

Serra, 26 de maio de 2019

Portal Tempo Novo - O Portal da Serra, ES

Economia

Serra, 11 de janeiro de 2019 às 9:33

‘Bico’ nas praias ajuda  vendedor a tirar um extra 

Por Ana Paula Bonelli
[email protected]

Sebastião Pereira veio de Ipatinga (MG) para trabalhar em Jacaraípe. Foto: Fábio Barcelos

A temporada de verão é uma oportunidade para ganhar um troco a mais e muita gente, moradora da Serra ou não, aproveita a presença dos turistas nas praias do município para aumentar a renda ou mesmo para segurar as contas dos primeiros meses do ano.

Wilquer Cordeiro Batista, de Feu Rosa, é vendedor de milho verde, papa e pamonha no bairro, mas de novembro a março ele trabalha apenas com milho verde nas praias da Serra.

“Há 18 anos sou vendedor, profissão herdada de meu avô que está há 32 anos no ramo e ainda trabalha. Durante o verão só vendo milho verde circulando nas praias, de Carapebus a Manguinhos. Minhas vendas rendem o triplo nesta época do ano”, pontua.

E tem quem trabalha nas férias para complementar a renda da família. É o caso de Maria Eduarda Santana, 15 anos, moradora de Balneário Carapebus, que passa as férias junto com sua tia vendendo churrasquinho e salgados em Manguinhos.

“Todo ano ajudo minha tia nas vendas durante as férias. Tem oito anos que ela vende comida e bebida aqui em Manguinhos no verão, até acabar o carnaval. No resto do ano ela tem o carrinho de churrasquinho no bairro que moramos e também faz eventos”, explica.

Também de Balneário Carapebus, Antônio Silva, o Ceará, diz que durante o ano trabalha como pedreiro e há oito anos vem a Manguinhos no verão ganhar um extra.

“Como não tenho emprego, faço bico de pedreiro e ajudante, mas no verão, até o carnaval, vendo bebidas e alugo cadeira e sombrinha de praia com meu filho. Dá pra manter as contas de casa com o que ganhamos. O forte é no carnaval, mas a gente trabalha quatro dias e noites sem dormir e aí consegue dinheiro para uns dois meses”, revela.

E tem vendedor que vem de fora. É o caso de Sebastião Pereira, de 63 anos, morador de Ipatinga-MG. Ele ficará na Serra até o carnaval e aproveita para vender água de coco e churrasquinho na praia de Jacaraípe.

“A praia está segura, limpa, com muito movimento está dando para fazer um extra”, conclui.   

 




O que você acha ?

Você é a favor do decreto de Bolsonaro que facilitou o acesso às armas?

Ver Resultados

Carregando ... Carregando ...

Veja também

Portal Tempo Novo

Rua Euclides da Cunha, 394 - sl 103 e 104 - Laranjeiras, Serra, ES

CEP:29165-310 - Tel: 27 3328-5765

Todos os direitos reservados ao Jornal Tempo Novo © Desenvolvido por