26 C
Serra
segunda-feira, 17 de fevereiro de 2020

Após matar sete pessoas e adoecer 16 mil, dengue começa a recuar na Serra

Leia também

Rede nacional diz que Serra vai ter candidato a prefeito e Audifax pode ser Governador

O Centro da Boa Convivência de Laranjeiras foi palco neste sábado (15) da Convenção Estadual da Rede Sustentabilidade. No...

Em evento concorrido, PSB confirma pré-candidatura de Bruno Lamas à Prefeitura da Serra

A Serra foi o município escolhido para o PSB do Espírito Santo dar o start oficial à sua Pr'é-campanha...

Violência em Vitória: “É totalmente possível que chegue à Serra”

Diante dos ataques que estão assustando moradores e comerciantes de Vitória, a populaça da Serra está em estado de...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Agentes de saúde da Serra: prefeitura diz que tem intensificado ações de combate. Foto: Divulgação

Com mais de 16 mil moradores doentes por dengue, a Serra está registrando uma queda nos números de casos confirmados. A afirmação é da Secretaria Municipal de Saúde, que diz, ainda, que, mesmo com a diminuição, continua intensificando o combate ao Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue e também do vírus da zika e chikungunya.

Segundo dados divulgados pela Sesa, o Município chegou a registrar 938 casos em apenas uma semana, em maio. Agora, em setembro, foram confirmados 44 casos em uma semana. A diminuição é de 95%. Ainda segundo a pasta, nas últimas oito semanas, também vem sendo confirmada essa queda. Apesar disso, a cidade segue liderando o ranking de municípios da Grande Vitória onde foram registrados mais casos de dengue.

No total, neste ano foram confirmados 16.332 casos de dengue na Serra, além de sete mortes pela doença. Em 2018, até o mês de setembro, tinham sido registrados 783 moradores infectados com o vírus. Zika e chikungunya não tiveram nenhuma morte registrada neste ano, sendo confirmados, respectivamente, 126 e 81 casos na cidade.

De acordo com a Prefeitura, ações de combate vêm sendo intensificadas para que essa queda nos registros continue. “Estamos realizando campanhas educativas para conscientização da população e até medidas diretas, como telagem de caixas d’água, bloqueio nos pontos críticos, colocação de larvicida, visita às residências e, também, a locais estratégicos (borracharias, ferros-velhos, floriculturas)”, destaca, em nota enviada pela assessoria de imprensa.

Comentários

Mais notícias

Em evento concorrido, PSB confirma pré-candidatura de Bruno Lamas à Prefeitura da Serra

A Serra foi o município escolhido para o PSB do Espírito Santo dar o start oficial à sua Pr'é-campanha de 2020. Em um evento,...

Violência em Vitória: “É totalmente possível que chegue à Serra”

Diante dos ataques que estão assustando moradores e comerciantes de Vitória, a populaça da Serra está em estado de alerta. Temem que a violência...

Feira de adoção de animais, promoções e samba agitam shopping no fim de semana

Poucas semanas antes da chegada do Carnaval, o capixaba que está à procura de preços baixos tem uma chance imperdível: o It Bazar +...

Evento de fortões em Guriri vai ter serranos participando

Neste sábado (15) vai ter Treinão Strong Show, em Guriri, às 15h, na praça Wilson Gomes, e vai ter serrano participando do evento. Um deles...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!
Precisa falar com o Tempo Novo? Envie sua mensagem