25.7 C
Serra
terça-feira, 30 novembro - 2021
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 71.679 casos
  • 1.485 mortes
  • 69.752 curados

Alunos da Serra aprendem xadrez na pandemia e vão disputar festival

Leia também

Direitos Humanos | Serra vai ter mutirão para retificação de gênero e de nomes de pessoas trans

No dia 10 de dezembro se comemora o Dia Internacional dos Direitos Humanos.  E na Serra vai ter uma...

Prefeitura vai reforçar iluminação em bairros da Serra com extensões de rede

A Prefeitura da Serra, através da Secretaria de Serviços (Sese), anunciou que sete bairros da Serra vão ganhar reforço...

ES terá audiências públicas para mostrar diagnóstico de ações para reduzir riscos de inundações

Ao longo dos meses de dezembro deste ano e janeiro de 2022, o Governo do Estado, discutirá a macrodrenagem...
Redação Jornal Tempo Novo com informações de assessoriahttps://www.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

Os 28 alunos da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) de tempo integral, Eulália Falquetto Gusmann, são as estrelas do 1º Festival de Xadrez Estudantil da unidade. Foto: Divulgação

Como você aproveitou o tempo de isolamento social durante a pandemia? Sabemos que são inúmeras as respostas, mas, alguns estudantes da rede municipal da Serra aproveitaram esse período para aprender a jogar xadrez dentro da escola. E aprenderam tanto que vão participar de um festival da modalidade.

Os 28 alunos da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) de tempo integral, Eulália Falquetto Gusmann, são as estrelas do 1º Festival de Xadrez Estudantil da unidade. O evento acontecerá nesta sexta-feira (19), das 12h30 às 15h30 na escola.

Os estudantes que têm idade entre 9 e 11 anos foram selecionados em um grupo de 80 enxadristas formados nos intervalos das aulas, ao longo de dois meses. O professor de xadrez, Arisvan Oliveira de Lima, é coordenador da EMEF e explica que contou com o apoio de todos para formar os enxadristas.

“A diretora da escola nos deu todo o suporte, mas além disso, contamos com as famílias dos alunos. Enquanto estávamos com as aulas no modelo híbrido, os responsáveis traziam os estudantes à unidade na hora do intervalo só para o treinamento de xadrez. Isso nos proporcionou esse resultado”, conta Arisvan Oliveira.

Ainda de acordo com Arisvan, as crianças levavam para casa, tabuleiros emprestados pela escola e tiveram todo o apoio dos familiares para reforçarem o treinamento.

“As crianças almoçavam e trocavam o recreio com atividades mais convencionais, como o futebol ou brincadeiras típicas dessa faixa etária, para sentarem com o tabuleiro e treinar. Além disso, ainda seguiam treinando em casa com tabuleiros emprestados”, explica.

O 1º Festival de Xadrez Estudantil da EMEF Eulália Falquetto Gusmann não será aberto ao público, para garantir a segurança sanitária, uma vez que ainda estamos na pandemia. As partidas serão filmadas e enviadas aos familiares, por meio do grupo de WhatsApp criado ainda no período de treinamento.

Os vencedores serão premiados medalhas e troféus e, além disso, 30 crianças não selecionadas para o festival, serão homenageadas, também com medalhas, pelo empenho em aprender xadrez nos intervalos.

Redação Jornal Tempo Novo com informações de assessoriahttps://www.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!