27.5 C
Serra
sábado, 19 de setembro de 2020

Alerta de surto: dengue adoece 23 moradores por dia na Serra

Leia também

Serra despenca no ranking de qualidade da educação inicial e não bate meta do Ideb

O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), divulgado nas últimas semanas, aponta uma significativa queda da Serra no...

Homem é morto a tiros no meio da rua em Serra Dourada III

Os moradores de Serra Dourada III tomaram um baita suto na madrugada desta sábado (19). É que um homem...

Vidigal e Audifax correm atrás do PT visando tempo de TV na eleição

A possibilidade de a Justiça Eleitoral incluir a Serra na transmissão da propaganda eleitoral gratuita foi o start para...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Muitos casos de dengue são atendidos nas Unidades de Pronto Atendimento da Serra (UPAs). Foto: Fábio Barcelos

Com risco de ter um novo surto de dengue neste ano, a Serra já registrou 1.541 casos da doença somente em 2020. Felizmente, sem nenhum óbito. O município atende, em média, 23 moradores infectados pela doença por dia. Os dados são da Secretaria Municipal de Saúde (Sesa), que segue fazendo ações para combater o mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue e também da zika e da chikungunya.

Os números são menores do que em 2019, quando neste mesmo período eram 2.327 casos de dengue. No ano passado, foram mais de 17 mil casos da doença durante os 12 meses, além de 11 mortes. Mesmo assim, a Serra e outras cidades capixabas foram colocadas em alerta pelo Ministério da Saúde. Segundo o órgão, os casos devem voltar a aumentar em março deste ano e pode haver um novo surto.

Tentando conter a expansão da doença, a Prefeitura da Serra vai continuar com a força-tarefa de combate à dengue. Segundo a assessoria de imprensa da Sesa, serão mobilizadas equipes de unidades de saúde, agentes de combate a endemias e moradores dos bairros. O objetivo do mutirão é alertar e orientar sobre a limpeza de quintais e casas visando eliminar focos do mosquito.

A primeira parte da ação começou no dia 21 de janeiro e aconteceu em 63 bairros, de segunda a sexta-feira, mas houve uma pequena pausa. Agora, a força-tarefa vai continuar. Além disso, a Sesa afirma que mantém as demais ações de rotina, entre elas telagem de caixas d’água, uso de bombas costais para pulverização, visitas domiciliares, ações educacionais e aplicação de larvicida.

Comentários

Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Mais notícias

Homem é morto a tiros no meio da rua em Serra Dourada III

Os moradores de Serra Dourada III tomaram um baita suto na madrugada desta sábado (19). É que um homem foi assassinado por volta das...

Vidigal e Audifax correm atrás do PT visando tempo de TV na eleição

A possibilidade de a Justiça Eleitoral incluir a Serra na transmissão da propaganda eleitoral gratuita foi o start para uma corrida em busca do...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!