[secondary_title]

Vidigal quer implantar castração móvel e aumentar oferta do serviço gratuito em clínicas

- PUBLICIDADE-
O prefeito eleito disse que quer trazer o castramóvel e seguir com castração em clínicas particulares. Foto: Ana Paula Bonelli / Jornal Tempo Novo

O TEMPO NOVO entrevistou o prefeito eleito da Serra, Sérgio Vidigal (PDT). Durante a conversa, que durou aproximadamente 45 minutos, ele apresentou suas ideias e projetos para os próximos quatro anos da Prefeitura da Serra. A reportagem decidiu fatiar a entrevista em várias matérias para facilitar a visualização do conteúdo ao leitor. Nesta, trataremos sobre o bem estar animal e castração de cães e gatos.

Vidigal lembrou que em 2012, quando ainda era prefeito da cidade, implantou no Centro de Controle de Zoonozes (hoje Vigilância Ambiental em Saúde), o Centro Cirúrgico para Controle de Natalidade Animal que na ocasião, realizava entre 80 a 100 cirurgias/mês.

“Fizemos até um Centro Cirúrgico no Centro de Controle de Zoonozes, mas qual era a estratégia da época? Era fazer o que Vitória fez, fazer o credenciamento de clínicas particulares, e a Prefeitura criar um quantitativo para atender essa demanda de castração de animal de pequeno porte, já que a nossa estrutura não tem condição de atender a demanda que a cidade tem”, destacou.

O prefeito eleito disse ainda que a pandemia vai ampliar muito mais o número de animais de pequeno porte na rua, assim como também o número de população em situação de rua de uma forma geral. Ele disse que sua proposta é implantar o castramóvel, assim como continuar com a proposta de castração em clínicas particulares.

Segundo estimativas, a Serra possui cerca de 75 mil animais, destes estima-se que 20% estão em situação de rua, o que dá cerca de 15 mil animais sem dono vagando pelas ruas da cidade, sofrendo todo o tipo de maus-tratos e abandono.

“A proposta do credenciamento de clinicas particulares continua. A outra é que eu coloquei emendas para que a Prefeitura pudesse também ter unidade móvel. Eu creio que nós não podemos descartar o credenciamento com as clinicas particulares, que ao mesmo tempo você fortalece a economia local e também reduz uma demanda que é muito grande de atendimento aos animais de pequeno porte”.

Vale lembrar que a Serra iniciou no último dia 21 de outubro a castração de animais de pequeno porte, cães e gatos. As cirurgias são realizadas atualmente em clínicas particulares que fizeram cadastro via chamamento público.

Três clínicas fazem as castrações com capacidade de castrar 100 animai por semana, segundo a Prefeitura da Serra.

De acordo com estimativas, a Serra possui cerca de 75 mil animais, destes estima-se que 20% estão em situação de rua, o que dá cerca de 15 mil animais sem dono vagando pelas ruas da cidade, sofrendo todo o tipo de maus-tratos e abandono.

Cadastro de castração

Se você é morador da Serra, as inscrições para castração gratuita de cães e gatos ainda estão sendo realizadas.

Para se inscrever, o responsável pelo animal, que tem que ser obrigatoriamente morador da Serra, deve fazer o cadastro por meio do portal: http://gti.serra.es.gov.br/vas/ e também pelos telefones: (27) 3281-7721 / (27) 3338-9907, informando os dados pessoais e dos animais que estão sob sua guarda como, por exemplo, espécie, raça, sexo, idade, porte, peso, cor e nome.

Após o cadastro e a triagem feitas pela Secretaria de Saúde da Serra, será agendado com o tutor ou responsável pelo animal o dia para receber orientações sobre posse responsável e sobre o procedimento cirúrgico, e apresentar a documentação necessária.

Para participar, o tutor dos animais deve ser obrigatoriamente maior de 18 anos. Também serão priorizadas, conforme edital publicado pela prefeitura, famílias de baixa renda, comprovadas no Número de Inscrição Social (NIS), e residentes em áreas com maior número de notificação de casos de agressão animal, zoonoses e densidade populacional de animais. Além disso, os animais devem possuir idade mínima de sete meses e máxima de oito anos.

Confira trecho da entrevista:

...

Proprietária de cervejaria destaca a importância de mulheres neste mercado

Com um mercado essencialmente masculino, a cervejaria ainda encontra obstáculos para inserção de mulheres nesse setor. A proprietária de uma das cervejaria mais renomadas...

Reiki, massoterapia e ioga no Serra + Cidadã deste sábado (18)

  Neste sábado (18), no Serra + Cidadã, que acontece das 9 às 16 horas, em Cidade Pomar, os moradores da região poderão usufruir de...

Justiça manda prender motorista que matou adolescente atropelada

O Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES) determinou nesta sexta-feira (17) a prisão preventiva do motorista que atropelou e matou Karen Moreira Barbosa....

Motorista de Transcol é agredida em briga de trânsito na Serra

Uma motorista de ônibus Transcol, de 40 anos, foi agredida por um homem durante uma briga de trânsito, no bairro Hélio Ferraz, na Serra. O...

Golfinho é encontrado morto na praia de Manguinhos, na Serra

Um golfinho foi encontrado morto na praia de Ponta dos Fachos, em Manguinhos, na Serra. O animal, achado por moradores na manhã desta sexta-feira...

Peça “Os Últimos Dias de Paupéria” será encenada no Eliziário Rangel, na Serra

Neste sábado (18), às 19 horas, o Centro Cultural Eliziário Rangel, em São Diogo, na Serra, abre suas portas para uma jornada teatral com...

Dupla Erick & Warley é a primeira atração da Sertaneja da Wild West na Serra

A programação da Cervejaria Wild West, em São Diogo, na Serra, vai ser diferente nesta sexta-feira (17). A casa promove pela primeira vez a...

Música ao vivo na feirinha de Colina de Laranjeiras neste final de semana

Neste final de semana, tem Feirinha Gastroartes, na sexta e no sábado na pracinha de Colina de Laranjeiras. Na sexta-feira (17), o som fica por...