[secondary_title]

Vidigal diz que Audifax não investiu todo o dinheiro vindo de Bolsonaro para enfrentar coronavírus

- PUBLICIDADE-
Vidigal concedeu entrevista ao Tempo Novo. Foto: Ana Paula Bonelli | Jornal Tempo Novo

O TEMPO NOVO entrevistou o prefeito eleito da Serra, Sérgio Vidigal (PDT). Durante a conversa, que durou aproximadamente 45 minutos, ele apresentou suas ideias e projetos para os próximos quatro anos da Prefeitura da Serra. A reportagem decidiu fatiar a entrevista em várias matérias para facilitar a visualização do conteúdo ao leitor. Nesta, trataremos sobre Vidigal ter afirmado que o atual chefe do Executivo, Audifax Barcelos (Rede), não investiu todo o dinheiro repassado pelo Governo Bolsonaro para enfrentamento à Covid-19. Ele também destacou que pretende realizar uma testagem em massa na população.

De acordo com Vidigal, o Município – que é um dos mais afetados pela pandemia no Espírito Santo – não conseguiu investir todos os repasses enviados pelo Ministério da Saúde para combater a doença na cidade. “Eu não posso te informar o total, mas a Prefeitura da Serra não conseguiu utilizar o recurso que foi enviado pelo Governo Federal para a Covid-19. A cidade poderia ter acelerado isso, até para disponibilizar testes”, afirmou o prefeito eleito.

Ainda de acordo com Vidigal, se tivesse tido mais testes, haveria um menor número de mortes, que hoje chegam a 608 somente na Serra. “Se tivesse uma disponibilidade de testes em maior quantidade nós teríamos reduzido o gasto com o Auxílio Emergencial, teria reduzido o número de pessoas que foram a óbitos. Os testes são fundamentais neste momento e haverá um aumento da testagem”, destacou.

O TEMPO NOVO procurou a Prefeitura da Serra para confirmar as informações sobre o não uso do dinheiro recebido pelo Governo Federal, mas a Secretaria de Comunicação não quis se manifestar sobre o assunto. No entanto, uma matéria publicada pelo portal de notícias A Gazeta, mostra que, no total, o Município deve receber R$ 62 milhões de ajuda do Governo Federal somente neste ano para uso livre.

Para a área da saúde, esse valor chega aos R$ 7 milhões. Não é possível afirmar quanto foi gasto pela administração de Audifax, já que o envio do dado foi negado pela assessoria de imprensa. O espaço está aberto e o texto pode ser atualizado, caso a prefeitura decida se pronunciar.

Vidigal diz que lockdown é equívoco e prevê vacina na Serra até março de 2021

Ainda de acordo com Vidigal, a medida de fechamento dos estabelecimentos comerciais por um longo período, além da ideia de um possível lockdown foi um equívoco. O prefeito eleito ainda entende que os comerciantes menores foram os que mais sofreram, enquanto grandes setores – como o supermercadista – continuaram arrecadando recursos. Entretanto, ele salientou que os protocolos de segurança são e continuarão sendo necessários.

“Nós iremos seguir os nossos protocolos. Acho que é um equivoco esse lockdown que foi proposto lá atrás. Porque você deixa supermercado funcionando corretamente com uma quantidade imensa de pessoas e de repente você manda fechar a loja do microempreendedor. E essa foi a população que mais sofreu. O setor de bebida e alimentação não sofreu. (…) Acho que houve muito excesso. Não só aqui no estado, mas de forma geral em relação a pandemia.”, afirmou Vidigal durante a entrevista.

Sobre a vacinação contra o coronavírus, ele confirma que isso irá ajudar na redução de óbitos, infectados e nos impactos gerais da pandemia. Diz ainda acreditar que doses começarão a ser distribuídas à população até março de 2021. “Eu creio que a vacina estará disponível no primeiro trimestre deste ano. Eu acho que a vacina nos ajudará muito”, destacou.

...

Proprietária de cervejaria destaca a importância de mulheres neste mercado

Com um mercado essencialmente masculino, a cervejaria ainda encontra obstáculos para inserção de mulheres nesse setor. A proprietária de uma das cervejaria mais renomadas...

Reiki, massoterapia e ioga no Serra + Cidadã deste sábado (18)

  Neste sábado (18), no Serra + Cidadã, que acontece das 9 às 16 horas, em Cidade Pomar, os moradores da região poderão usufruir de...

Justiça manda prender motorista que matou adolescente atropelada

O Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES) determinou nesta sexta-feira (17) a prisão preventiva do motorista que atropelou e matou Karen Moreira Barbosa....

Motorista de Transcol é agredida em briga de trânsito na Serra

Uma motorista de ônibus Transcol, de 40 anos, foi agredida por um homem durante uma briga de trânsito, no bairro Hélio Ferraz, na Serra. O...

Golfinho é encontrado morto na praia de Manguinhos, na Serra

Um golfinho foi encontrado morto na praia de Ponta dos Fachos, em Manguinhos, na Serra. O animal, achado por moradores na manhã desta sexta-feira...

Peça “Os Últimos Dias de Paupéria” será encenada no Eliziário Rangel, na Serra

Neste sábado (18), às 19 horas, o Centro Cultural Eliziário Rangel, em São Diogo, na Serra, abre suas portas para uma jornada teatral com...

Dupla Erick & Warley é a primeira atração da Sertaneja da Wild West na Serra

A programação da Cervejaria Wild West, em São Diogo, na Serra, vai ser diferente nesta sexta-feira (17). A casa promove pela primeira vez a...

Música ao vivo na feirinha de Colina de Laranjeiras neste final de semana

Neste final de semana, tem Feirinha Gastroartes, na sexta e no sábado na pracinha de Colina de Laranjeiras. Na sexta-feira (17), o som fica por...