• CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 35.308 casos
  • 701 mortes
  • 33.807 curados
26.6 C
Serra
sábado, 23 janeiro - 2021
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 35.308 casos
  • 701 mortes
  • 33.807 curados

Vidigal confirma que irá dar seguimento às obras em andamento na Serra

Leia também

Serra ultrapassa as 700 mortes por coronavírus e já registra 35.308 casos

A Serra já registra mais de 35.308 casos confirmados e 701 mortes causadas pelo coronavírus. As informações foram divulgadas...

ES vai receber 35,5 mil doses da vacina exportada da Índia e menos de 2 mil serão da Serra

Após fracassadas tentativas de trazer a vacina de Oxford ao Brasil, o governo federal conseguiu viabilizar, juntamente com a...

Serra já vacinou 644 moradores contra a Covid-19 e campanha continua nesta sexta

Desde a última segunda-feira (18), a Serra já vacinou 644 pessoas com a primeira dose do imunizante contra o...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há seis anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Vidigal volta a ser prefeito da Serra. Foto: Divulgação

Eleito com 58% dos votos válidos, Sérgio Vidigal (PDT) vai comandar a Prefeitura da Serra pelos próximos quatro anos. E em conversa com o TEMPO NOVO, ele afirmou que pretende dar seguimento às obras atuais da cidade, como por exemplo, a ‘Rotatória do Ó’, em Parque Residencial Laranjeiras e também construções de creches e casas populares. Ainda segundo o prefeito eleito, esse seu novo mandato será o encerramento do seu ciclo com a cidade.

De acordo com Vidigal, a Serra tem pouco mais de oito obras em andamento. Ele afirmou que seria irresponsabilidade um gestor não prosseguir com os investimentos.

“Duas delas são obras com emendas minhas, CMEI de Campinho da Serra, e o CMEI de Bairro de Fátima. As outras obras, seria muita irresponsabilidade um gestor de não dar sequência a elas. Tem uma dessas obras que eu iniciei em 2011 que foi a construção de casas populares e ainda não foi entregue. Nós vamos entregar essa obra à população da Serra”, afirmou.

A reportagem esteve na noite deste domingo (29), em Serra Sede, onde Vidigal fez seu primeiro pronunciamento ao público após ser eleito. Na ocasião, o prefeito disse ao jornal que nesta eleição ele encerra um ciclo, um legado na cidade. O prefeito afirmou ainda que começou a vida como médico e irá encerrar como médico.

“Eu não falei isso antes da campanha para não parecer que era conversa de candidato, deixei até para falar no último debate que teve. Eu quero aqui falar mais uma vez, eu quero encerrar um ciclo, um legado na cidade, eu quero dar uma contribuição neste momento que a cidade precisa”, destacou.

Por fim, ele disse que a cidade precisa, neste momento, da sua continuação. “Precisa de um prefeito preparado experiente que se articula com facilidade e tem a capacidade de unir a cidade. Então o que eu quero é terminar esse legado e como disse anteriormente, comecei minha vida como médico e quero encerrar como médico”, finalizou Vidigal.

Vitória de Vidigal

Conforme informado pelo TEMPO NOVO, os dados do Tribunal Superior Eleitoral mostram que Vidigal teve 111.920 votos, o equivalente a 54,90% dos votos válidos (excluindo brancos e nulos). O próximo chefe do Executivo, que comandará a administração municipal pelos próximos quatro anos, já foi prefeito da cidade em outras três ocasiões: 1996, 2000 e 2008.

Com Sérgio Vidigal, em primeiro lugar na votação do segundo turno, Fábio Duarte ficou em segundo lugar e conquistou 91.931 eleitores, um total de 45,70% dos votos. As últimas pesquisas divulgadas por veículos de comunicação mostravam que o ex-prefeito liderava os levantamentos e poderia ser eleito de primeira. Vidigal também manteve sua liderança que já vinha desde o primeiro turno, que ocorreu no dia 15 de novembro.

A cidade teve, nesse segundo turno, 203.851 votos em Vidigal e Fábio. Além disso, 8.112 votos brancos e 11.181 nulos.

Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há seis anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!