• CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 68.100 casos
  • 1.417 mortes
  • 66.111 curados
23.7 C
Serra
sexta-feira, 23 julho - 2021
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 68.100 casos
  • 1.417 mortes
  • 66.111 curados

Vereadora da Serra acusa colegas de Plenário de assédio moral e político

Leia também

Supermercado Casagrande multado em R$ 83 mil por fazer loja sem licença em Jacaraípe

A nova loja do supermercado Casagrande em Jacaraípe, prevista para ser inaugurada na semana que vem, foi multada em...

Estudo inglês demonstra que segunda dose de vacinas é essencial contra a variante delta

Mais um estudo demonstra a necessidade da segunda dose da vacina contra a Covid para que a proteção seja...

Gleisi Hoffman vem ao Estado para contribuir na formação de uma frente pró-Lula

  Com o avanço da popularidade de Lula no Espírito Santo e retomada do ex-presidente na preferência dos eleitores capixabas,...
Mari Nascimento
Mari Nascimento é repórter do Tempo Novo há 18 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal, principalmente para a de Política.

Vereadora Elcimara Loureiro. Foto: divulgação

Durante a sessão desta quarta-feira (16), na Câmara da Serra, a vereadora Elcimara Rangel (PP) fez sérias acusações em direção aos colegas de plenário. Ao finalizar seu discurso carregado de críticas ao Executivo, a vereadora concluiu dizendo que não aceitaria assédio dos colegas, “conforme aconteceu após a última sessão”.
Demonstrando nervosismo enquanto falava, a vereadora encerrou seu discurso dizendo que reafirmava suas posturas e convicções. “E dizer aqui que não permitirei mais que falas em tons ameaçadores, tentando me coagir, como ouvi na sessão passada, de qualquer colega. Quero dizer que assédio é crime, e se acontecer de me sentir ameaçada ou coagida, por qualquer colega, porque estou fazendo o meu papel de fiscalizadora, quero deixar registrado em ata que tomarei todas as providências cabíveis”.
O presidente da Câmara, Rodrigo Caldeira (PRTB) foi procurado, mas seu telefone estava fora de área.

A reportagem procurou a assessoria de comunicação da Câmara, que em nota, disse que o fato está relacionado às críticas de alguns vereadores, que discordaram da sua fala.

“A Câmara Municipal da Serra informa que a vereadora Elcimara Loureiro não fez nenhum registro do ocorrido fora do Plenário – solicitou que o mesmo fosse feito em ata. A crítica da parlamentar se deu devido ao fato de alguns vereadores da base aliada do prefeito terem discordado da sua fala, de oposição, e sugerirem que a mesma se retratasse junto ao executivo municipal”.

Entenda:
Na sessão da última segunda-feira (14), a vereadora fez críticas à titular da pasta de Assistência Social, ocupada por ela até dezembro de 2020. Alguns vereadores saíram em defesa da secretária e criticaram a postura da vereadora e pontuaram críticas à sua gestão de secretária.

Mari Nascimento
Mari Nascimento é repórter do Tempo Novo há 18 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal, principalmente para a de Política.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!