20.3 C
Serra
sábado, 06 de junho de 2020

Traficantes cobram taxa para moradores receberem correspondências, denuncia vereador

Leia também

Mudanças no primeiro escalão da Prefeitura da Serra

Dois secretários municipais, Luciana Malini e Jolhiomar Massariol, foram remanejados entre secretarias da Mulher e da Coordenadoria de Governo...

Serra liberada para investir dinheiro da taxa de luz no combate à covid-19

O município também irá investir em obras e pagamento de precatórios. Valor é referente a 30% da Cosip

Está na Câmara projeto que cria auxílio emergencial de R$ 400 para moradores da Serra

O município da Serra poderá ter seu próprio auxílio emergencial destinado aos moradores financeiramente mais afetados pela crise decorrente...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Segundo Porto, moradores estão tendo que pagar R$ 10 para receber as correspondências. Foto: Divulgação

Pagar conta de luz e água já é uma tarefa muito difícil para o trabalhador brasileiro. Imagina então uma taxa para poder simplesmente receber as faturas em mãos. É o que está acontecendo no condomínio Ourimar, na Serra.

De acordo com o vereador, Cabo Porto (PSB), traficantes estão cobrando de moradores para que eles possam retirar suas próprias correspondências das caixas de correios.

O vereador esteve pessoalmente no condomínio na noite da última terça-feira (17) e afirmou que para entregas as contas, os traficantes cobram R$ 10 de cada morador.

“Recebi de denúncias de moradores do condomínio, fiquei revoltado com a situação e fui pessoalmente entender o que está acontecendo. As correspondências chegam em Ourimar, no entanto os traficantes estão retendo e cobram uma taxa de R$ 10 para o morador de bem obtê-las”, denuncia o parlamentar.

Porto afirma que caso os moradores resolvam não pagar a taxa, os traficantes fazem ameaças e em seguida rasgam as correspondências. “Já oficializei todas as instituições responsáveis como a Polícia Civil, Militar e o Ministério Público para que tomem providências”, afirma.

O vereador encaminhou para a reportagem, a denúncia de um morador. Leia na íntegra o pedido de ajuda da popular: “Venho através do senhor (Cabo Porto) pedir uma grande ajuda. Aqui no Ourimar nós sofremos e muitas coisas não vem a tona. Pra conseguirmos pegar nossas contas na portaria do condomínio somos obrigados a pagar de R$ 1 a R$ 10 reais. Eles não entregam se não damos o dinheiro. Isso é um absurdo e extorsão aos moradores”, desabafa a moradora.

Polícia Militar

O TEMPO NOVO entrou em contato com a Polícia Militar para saber quais medidas serão tomadas para resolver a situação. Assim que a demanda for respondida, será publicada neste espaço.

Comentários

Mais notícias

Serra liberada para investir dinheiro da taxa de luz no combate à covid-19

O município também irá investir em obras e pagamento de precatórios. Valor é referente a 30% da Cosip

Está na Câmara projeto que cria auxílio emergencial de R$ 400 para moradores da Serra

O município da Serra poderá ter seu próprio auxílio emergencial destinado aos moradores financeiramente mais afetados pela crise decorrente do coronavírus. Isso porque já...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!