25.2 C
Serra
segunda-feira, 27 de janeiro de 2020

Tilápia leva dez mil à Juara todo mês

Leia também

Câmara da Serra pode ganhar mais um vereador

Nova decisão da Justiça vai promover alterações na Câmara da Serra. O juiz substituto Leonardo Mannarino Teixeira Lopes, da...

PRTB elege nova diretoria e promete candidatura majoritária na Serra

Atentas ao calendário eleitoral 2020, lideranças do PRTB capixaba estão promovendo mudanças nos comandos da legenda em diversos município...

Chuvas | Serra antecipa limpeza de bueiros e valas

Áreas de instabilidade se intensificaram sobre o mar e avançaram para o Espírito Santo espalhando nuvens carregadas sobre algumas...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

A gastronomia e a beleza cênica da lagoa viraram oportunidade para os produtores de tilápia apostarem no turismo. Foto: Edson Reis
A gastronomia e a beleza cênica da lagoa viraram oportunidade para os produtores de tilápia apostarem no turismo. Foto: Edson Reis

Clarice Poltronieri

Na contramão da decadência que atingiu o turismo nas praias de Jacaraípe nos últimos anos, a orla da Lagoa Juara vem atraindo cada vez mais turistas. Através da união dos piscicultores de tilápia, a área da lagoa se tornou um atrativo de contemplação e gastronomia, com restaurante, pedalinho, área de lazer e peixaria.

O local hoje gera 33 empregos diretos e 9 indiretos e recebe entre 9 e 10 mil visitantes por mês, uma média de 2,5 mil por semana.

A produção mensal de tilápia é em torno de 6,8 a 7 toneladas por mês e 65 a 75 toneladas por ano, segundo o presidente da Associação de Pescadores da Lagoa do Juara, Cedmar Dias de Oliveira.

No início, havia apenas produção de tilápia, agora a Juara é um ponto de encontro das famílias. “Com o tempo vimos a necessidade de ter um atrativo para as pessoas virem ao local comprar o peixe. Foi quando o projeto evoluiu e hoje temos uma peixaria e um restaurante no local, além de pedalinho e outros atrativos para as famílias”, conta.

O restaurante é da Associação de Pescadores da Lagoa do Juara e serve salgados, porções e refeições que variam entre R$3 a R$250, funcionando de terça a domingo, das 7h às 17h, horário que também funciona a peixaria que, além da tilápia produzida no local, revende peixes e frutos do mar aos visitantes.

Os nove empregos indiretos são de ambulantes que ficam no local nos finais de semana com pula-pula, venda de chup-chup natural, milk-shakes, água de coco e outros. Um pedalinho particular também é atração e ajuda a trazer visitantes.

O restaurante da lagoa do Juara faz parte do Projeto Peixe Vivo, que foi idealizado em 2000 pela união dos pescadores, mas que saiu do papel em 2003.

Começou com cerca de 50 piscicultores e chegou a ter apenas 10, mas hoje conta com 23 criadores que, além da produção, trabalham no restaurante e peixaria. O Projeto iniciou com apoio da Prefeitura da Serra e do Banco do Brasil, mas há mais de cinco anos não faz mais uso de financiamento público.

 

Comentários

Mais notícias

PRTB elege nova diretoria e promete candidatura majoritária na Serra

Atentas ao calendário eleitoral 2020, lideranças do PRTB capixaba estão promovendo mudanças nos comandos da legenda em diversos município capixabas. E as alterações se...

Chuvas | Serra antecipa limpeza de bueiros e valas

Áreas de instabilidade se intensificaram sobre o mar e avançaram para o Espírito Santo espalhando nuvens carregadas sobre algumas regiões do estado próximas do...

Cinquenta voluntários da Serra vão ajudar na limpeza de Iconha

Muitas doações de produtos de limpeza, alimentos e roupas estão chegando ao município de Iconha, devastado por chuvas que atingiram o sul do Espírito...

Morador pede bueiros em ruas de Portal de Jacaraípe – Confira no ‘Pronto, Flagrei’

Morador do bairro Portal de Jacaraípe, Cleiton Luiz, reclama da ausência de bueiros em diversas ruas da comunidade. Segundo ele, basta chover um pouco mais...

Você também pode ler

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!
Precisa falar com o Tempo Novo? Envie sua mensagem