27.9 C
Serra
sábado, 28 de março de 2020

Sindicato quer agências bancárias fechadas durante pandemia da Covid-19

Leia também

Mais de 43 mil moradores já se vacinaram contra gripe na Serra

Durante a primeira semana da Campanha de Vacinação contra gripe para os grupos prioritários, a Serra já imunizou mais...

Casagrande anuncia empréstimo sem juros e adiamento de impostos para ajudar microempresas do ES

Em pronunciamento na manhã deste sábado (28), o governador Renato Casagrande (PSB) anunciou uma série de medidas para ajudar...

Estado avalia multar e até cassar registro de quem abrir comércio

O Governo do Estado avalia multar e até cassar registro de comércio considerado não essencial durante a vigência das...
Redação Jornal Tempo Novo com informações de assessoriahttps://www.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

Além do fechamento das agências, outras medidas como disponibilização de álcool gel e higienização do autoatendimento são exigências. Foto: Agência Brasil

O Sindicato dos Bancários divulgou na quinta-feira, 19, nota pública reivindicando aos bancos que fechem as agências neste período de pandemia pelo coronavírus. A nota, que será veiculada em rádios e TVs, alerta que o “isolamento social é medida indicada pela Organização Mundial de Saúde para conter a propagação do vírus e deve ser seguida a fim de proteger bancários e clientes”. Conforme é explicado no texto, “a estrutura [física e de segurança] das agências não propicia a ventilação adequada nessa situação de pandemia”.

“É responsabilidade dos bancos garantir condições de saúde de bancários e clientes, devendo adotar, além do fechamento das agências, outras medidas como disponibilização de álcool gel e higienização do autoatendimento”, diz a nota.

O Sindicato, que está participando das negociações emergenciais com a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban), “buscando proteger a saúde e o emprego dos bancários, assim como evitar o adoecimento dos clientes”, diz que são necessárias garantias por parte dos bancos como “flexibilização para pagamento de contas, redução de juros, não demissão de bancários e não cobrança de metas”. Para a entidade, a cobrança de metas de venda de produtos, principalmente neste momento de pandemia, é algo absurdo, pois força o bancário a se expor no contato com a clientela.

Comentários

Mais notícias

Casagrande anuncia empréstimo sem juros e adiamento de impostos para ajudar microempresas do ES

Em pronunciamento na manhã deste sábado (28), o governador Renato Casagrande (PSB) anunciou uma série de medidas para ajudar empreendedores de menor porte na...

Estado avalia multar e até cassar registro de quem abrir comércio

O Governo do Estado avalia multar e até cassar registro de comércio considerado não essencial durante a vigência das medidas de restrição para controlar...

Comerciantes fazem manifestação na Serra para pedir reabertura de lojas

Empresários que possuem lojas em Laranjeiras e também na Serra Sede, fizeram uma manifestação na última sexta (27) pedindo a Prefeitura para voltar abrir...

Repasse de R$ 20 milhões para municípios e cestas básicas para alunos do Estado

O Governo do Estado anunciou na tarde da sexta-feira (27) que vai repassar quase R$ 20 milhões para fortalecer as ações de enfrentamento e...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!
Precisa falar com o Tempo Novo? Envie sua mensagem