26.6 C
Serra
domingo, 29 de novembro de 2020

Serra terá segundo turno entre Sérgio Vidigal e Fábio Duarte. Veja dados da apuração:

Leia também

Serra registra manhã tranquila de votação e sem aglomerações neste segundo turno. Veja fotos!

Por conta da pandemia causada pelo coronavírus, muitos eleitores ficam receosos em ir ao seu local de votação para...

Quem não votou no primeiro turno das eleições pode votar no segundo turno

Os eleitores que não foram às urnas no primeiro turno das eleições municipais deste ano podem votar no segundo...

Veja onde os candidatos a prefeito da Serra irão votar neste domingo

Neste domingo (29), eleitores da Serra estão voltando às urnas para escolher os próximo prefeito e vice-prefeito. E junto...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Ilustração: Jornal Tempo Novo

As urnas foram abertas e o resultado é oficial: a eleição para a Prefeitura da Serra terá que ser decidida no segundo turno, entre o ex-prefeito Sérgio Vidigal (PDT) e o atual vereador Fábio Duarte (Rede). De acordo com a Justiça Eleitoral, 98% das urnas já foram apuradas. Os dados mostram que Vidigal teve 99.001 votos (até o momento), o equivalente a 47,48% dos votos válidos (excluindo brancos e nulos). Já Fábio recebeu 40.436 votos, o que corresponde 19,39% dos votos válidos. Para que um candidato seja eleito em primeiro turno, ele precisa de 50% dos votos mais um – o que não ocorreu.

Sérgio Vidigal ficou em primeiro lugar na votação do primeiro turno, seguido de Fábio Duarte, com quem terá que disputar o comando da Prefeitura da Serra. As últimas pesquisas divulgadas por veículos de comunicação, inclusive a contratada pelo TEMPO NOVO, junto a Enquet, mostravam que o ex-prefeito liderava os levantamentos e poderia ser eleito de primeira, mas os dados também apontavam que muitos eleitores ainda estavam indecisos.

Vale lembrar que a Serra teve nove candidatos disputando à prefeitura nesta eleição. São eles: Alexandre Xambinho (PL), Bruno Lamas (PSB), Delegado Federal Márcio (MDB), Ebinho (PCdoB), Gracimeri Gaviorno (PSC), Luciana Malini (PP) e Vandinho Leite (PSDB).

Neste ano, por conta da pandemia causada pelo coronavírus, a votação das eleições municipais teve o horário ampliado: de 7h às 17 horas. Após esse período, a apuração começou a ser realizada e durou aproximadamente 2 horas. Depois de momentos de apreensão, os moradores da cidade puderam contar com o resultado oficial. Toda a apuração também foi transmitida em tempo real pelo site do Jornal Tempo Novo.

Atualmente, segundo dados do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-ES), a Serra possui 327.670 eleitores aptos para esta eleição. Esse número permite que a cidade tenha segundo turno, caso nenhum dos candidatos obtenha 50% dos votos válidos mais um – o que aconteceu neste ano.

Essa é a segunda eleição consecutiva que a Serra contará com um segundo turno de votações. Em 2016, a disputa ficou acirrada entre o atual prefeito Audifax Barcelos (Rede) – que disputava a reeleição – e Sérgio Vidigal. Na ocasião, Vidigal entrou em primeiro no segundo turno, mas acabou sendo derrotado pelo chefe do Executivo municipal. Este ano, Audifax – que já foi prefeito por três vezes – não pode ser candidato, pois esgotou sua possibilidade de reeleição, já que seus dois últimos mandatos foram consecutivos.

No entanto, ele lançou Fábio Duarte como seu nome de sucessão. Audifax fez uma intensa campanha para emplacar o nome do vereador. A votação do segundo turno ocorrerá no dia 29 de novembro.

O TEMPO NOVO está em contato com os dois disputantes que entraram no segundo turno. Assim que obtiver sucesso, essa matéria será atualizada com os depoimentos.

Quem são os candidatos?

  • Fábio Duarte

Fábio Duarte – 43 anos – filiado a Rede e escolhido pelo prefeito Audifax Barcelos para sucessão. Atualmente, ele é vereador da Serra. Completam a coligação os partidos: PMN, Patriota e Podemos. O número de Fábio na urna é 18 com a coligação chamada ‘Nova Serra’. A vice é Renata Sepulcro.

  • Sérgio Vidigal

Pela sétima vez em 28 anos, Sérgio Vidigal é candidato a prefeito pelo PDT. A coligação se chama ‘A Serra vai pra frente’ com o número 12 na urna. Atualmente, ele é deputado federal e aos 63 anos é o que tem a idade mais avançada na disputa. Completam a coligação: PSD, Solidariedade, PSL e Cidadania. O vice na chapa é Thiago Carreiro.

Confira: 

Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!