• CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 57.848 casos
  • 1.210 mortes
  • 55.783 curados
25.4 C
Serra
quinta-feira, 13 maio - 2021
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 57.848 casos
  • 1.210 mortes
  • 55.783 curados
Entrevista 100 dias do Governo Vidigal:

Sem precisar ir a postos de saúde, moradores poderão marcar consultas on-line na Serra

Leia também

ES é o sexto estado que mais vacinou contra a gripe no Brasil

Mais de 12% do público-alvo que deve receber a vacina contra a gripe já foi imunizado no Espírito Santo....

Lixão em Novo Porto Canoa tira sono de moradores que pedem providência

Um imenso lixão está se formando na Avenida Amazonas, em Novo Porto Canoa, no terreno que fica em frente...

Festival apresenta 12 atrações musicais capixabas de diferentes estilos e linguagens

Doze atrações musicais capixabas com performances que entregam grito por diversidade e liberdade. E mais: dança, rock, fala, hip...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há seis anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Vidigal está implantando o sistema para agendamento on-line de consultas, que deve entrar no ar em menos de 15 dias. Foto: Gabriel Almeida

Umas das principais dificuldades enfrentadas nos últimos anos por moradores da Serra que dependem do sistema público de saúde são as imensas filas para conseguir marcar uma simples consulta em unidades de saúde de bairros da cidade. E para tentar solucionar de vez esse antigo problema, o prefeito eleito, Sérgio Vidigal (PDT), está implantando o sistema para agendamento on-line de consultas, que deve entrar no ar em menos de 15 dias. A afirmação foi concedida com exclusividade ao TEMPO NOVO durante entrevista realizada nesta quarta-feira (14), no gabinete do chefe do Executivo municipal.

Neste momento, a Secretaria Municipal de Saúde (Sesa) está nos últimos preparativos para lançar o sistema que promete mudar a realidade de moradores da Serra. Em conversa com a reportagem, Vidigal explicou que a marcação de consultas on-line já deveria estar funcionando, mas como a gestão passada do ex-prefeito Audifax Barcelos (Rede), deixou a Prefeitura da Serra com pouquíssimos médicos, foi necessário abrir contratação de novos profissionais para atender a demanda gigantesca do município – que possui 520 mil habitantes.

“Neste momento a gente está trabalhando já o processo do agendamento on-line. Porque eu não comecei o agendamento online das consultas por falta de profissional. Como eu vou agendar, se eu não tenho oferta do serviço? Agora a gente começa a agendar on-line as consultas também, creio que assinamos o contrato agora nesta semana, e no mais tardar, com dez dias a gente estará fazendo o agendamento on-line”, afirmou o prefeito.

De acordo com o chefe do Executivo, a Saúde da Serra foi deixada com aproximadamente 300 médicos, o que é insuficiente para atender a população. E, mesmo após lançar processos seletivos par contratar mais profissionais, não foi possível encontrar pessoas interessadas em trabalhar no sistema de Saúde. Por isso, precisou contratar uma empresa especializada em fornecer médicos plantonistas que irão atuar nas Unidades de Pronto Atendimentos (UPAs) e Unidades Básicas e Regionais de Saúde (UBS E URS).

“Quando chegamos havia pouco mais de 300 profissionais, muitos deles, devido ao decreto, estavam em casa, em home office. Fiz dois processos seletivos e não consegui, ofereci 140 vagas. Depois disso, conseguimos contratar 160.Oitenta e mais 80; são dois contratos, um para urgência, que são as UPAs e maternidade, e um contrato para atenção primária. E isso vai impactar em um custeio maior nesses próximos 180 dias, de mais de R$ 8 milhões, os dois juntos”, salientou o prefeito.

A reportagem do TEMPO NOVO entrou em contato com a assessoria de imprensa do ex-prefeito Audifax Barcelos para que ele possa se manifestar sobre a quantidade de médicos deixados por sua gestão no Município. Até a publicação desta matéria, a demanda não havia sido respondida.,

Sobre o agendamento on-line 

  • Detalhes sobre como o sistema irá funcionar ainda não foram divulgados pela Prefeitura da Serra.
  • No entanto, é importante destacar que os moradores que não tiverem condições de realizar a marcação on-line poderão ir até as unidades de saúde.
  • O novo sistema deve entrar no ar em 15 dias; não foi disponibilizado antes devido à falta de médicos, que já foram contratados.

Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há seis anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!