30.4 C
Serra
quarta-feira, 19 de fevereiro de 2020

Rodoviários não colocaram 70% da frota dos ônibus nas ruas, afirma GVBus

Leia também

EDP anuncia falta de energia em bairros da Serra nesta quinta e sexta

Durante esta semana, muitas comunidades da Serra ficarão sem energia por um determinado período. Isso porque a EDP Espírito...

Festa carnavalesca vai misturar samba, marchinha e eletrônica em Manguinhos

Quer curtir um Carnaval diferente? Em Manguinhos vai ter samba, marchinha e um atrativo a mais que é a...

Está procurando emprego? 155 vagas de trabalho estão abertas na Serra

A quarta-feira (19) está recheada de oportunidades de trabalho. No Sine da Serra, estão abertas 155 vagas de emprego...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Sindirodoviários decidiu aderir greve geral. Foto: Gabriel Almeida

Os rodoviários não obedeceram a decisão Judicial de colocar 70% da frota dos ônibus do sistema Transcol nas ruas durante a greve geral que está acontecendo nesta sexta-feira (14). A afirmação é do Sindicato das Empresas de Transporte Metropolitano da Grande Vitória (GVBus) que disse que em alguns momentos dessa manhã apenas 50% da frota estava circulando.

A liminar concedida pelo Tribunal Regional do Trabalho (TRT-ES) obriga o Sindirodoviários a colocar 70% dos ônibus em circulação durante os horários de pico – compreendidos entre 6h e 9h da manhã, bem como das 17h às 20h – e 50% dos coletivos em horários normais. Mas de acordo com o GVBus, durante a manhã (de 6h e 7h), a média foi de 50% da frota nas ruas, já no período das 7h e 8h, a média era de 66%.

Já das 8h até as 10h, os rodoviários teriam colocados 74% da frota nas ruas. Em nota, a GVBus não informou se irá tomar alguma medida contra o descumprimento da liminar, mas afirmou que “devido a vários pontos de bloqueios de vias, algumas linhas tiveram a operação comprometida e com atrasos causados pelo trânsito”.

Segundo a liminar concedida na quarta-feira (12), se o Sindirodoviários não cumprir a decisão, será aplicada multa diária no valor de R$ 200 mil reais. O TEMPO NOVO tentou contato com o Sindirodoviários para que o sindicato comente sobre o assunto, mas não obteve sucesso. 

Pneus de ônibus são furados na Serra

Um grupo de mais de 10 pessoas foi detido pela polícia na Serra pois é suspeito de esvaziar pneus de coletivos na região de Jardim Carapina. A ação aconteceu na manhã de hoje (14). O GVBus disse que foram, pelo menos, três ônibus afetados.

Entenda a greve geral 

A greve geral que está acontecendo nesta sexta-feira (14) é contra a reforma da Previdência e o governo Bolsonaro. O movimento está sendo organizado nas principais cidades do país. Na Serra, até a o início da noite de ontem (13), já havia a confirmação da adesão de professores, bancários e rodoviários, conforme os sindicatos de cada categoria.

Durante esta semana, centrais sindicais convocaram diversas categorias a participar do movimento. Além de se opor à Reforma da Previdência proposta por Bolsonaro, o protesto também é contra os cortes na educação e pede maior geração de empregos, além da retomada do crescimento na economia. O ato também tem apoio dos principais partidos de oposição ao governo.

Comentários

Mais notícias

Festa carnavalesca vai misturar samba, marchinha e eletrônica em Manguinhos

Quer curtir um Carnaval diferente? Em Manguinhos vai ter samba, marchinha e um atrativo a mais que é a música eletrônica, e claro, a...

Está procurando emprego? 155 vagas de trabalho estão abertas na Serra

A quarta-feira (19) está recheada de oportunidades de trabalho. No Sine da Serra, estão abertas 155 vagas de emprego para diversos cargos. As chances...

Jovens entram na corrida pela Câmara da Serra em 2020

Motivados e com disposição para novos desafios. Lideranças jovens da Serra estão atentas à movimentação das raposas politicas, e prometem dar trabalho nas eleições...

Projeto social abre filial em Castelândia e procura professor de violão voluntário

O projeto Restauração de Vida, que teve início no bairro Santa Rita, que fica próximo a Serra Dourada, está tomando força e terá uma...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!
Precisa falar com o Tempo Novo? Envie sua mensagem