27.7 C
Serra
domingo, 29 de março de 2020

Rede Makro fecha as portas de sua unidade na Serra

Leia também

“Meu Título de Eleitor permanece em Vitória”, diz Amaro Neto, que vinha sendo cotado para a Prefeitura da Serra

Uma suposta consulta do deputado federal Amaro Neto (Republicanos) ao Cartório Eleitoral da Serra causou alvoroço no mercado politico...

ArcelorMittal vai parar mais um alto-forno em Tubarão

Maior indústria instalada na Serra e 3ª maior planta produtora de aço do Brasil, a ArcelorMittal Tubarão anunciou que...

Espírito Santo tem 7 novos casos de Covid-19

O Espírito  Santo tem sete novos casos do novo coronavirus, segundo da informação divulgada pelo governador Renato Casagrande no...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

A unidade funcionava próximo à entrada de Jardim Tropical, na Serra. Foto: Divulgação

A Rede Makro Atacadista fechou as portas de sua unidade na Serra. A empresa, que vinha fazendo diversas promoções para acabar com o restante do estoque de sua loja – que funcionava próximo à entrada de Jardim Tropical, na BR-101, confirmou a venda do estabelecimento.

Motoristas que passavam pela BR-101 ou clientes que tentaram entrar na loja foram surpreendidos com uma placa anunciando o fim do atendimento naquele local. O aviso foi colocado na manhã desta quarta-feira (15). Nas últimas semanas, boatos sobre o fechamento da loja já vinham tomando conta de grupos nas redes sociais.

O TEMPO NOVO apurou juntamente com a assessoria de imprensa do Makro, que confirmou o fechamento das duas unidades. Por meio de nota, a empresa informou que a venda da operação das unidades de Vitória e Vila Velha é um movimento que visa garantir maior eficiência operacional da companhia.

A empresa afirma estar “assegurando a sustentabilidade do negócio por meio da priorização e diversificação de investimentos já para 2020”. A reportagem questionou para quem as unidades foram vendidas, mas o Makro não quis passar essa informação.

Especulações tomaram conta das redes sociais. Muitos diziam que a Rede Carrefour teria comprado, informação que não procede – conforme apurado pelo TEMPO NOVO. “O Carrefour não adquiriu nenhuma unidade Makro no Espírito Santo”, disse a rede, por meio de nota.

Outros boatos afirmavam que a loja Havan teria comprado as duas unidades, o que também foi desmentido. Segundo o diretor de expansão da Havan, Nilton Hang, “a Havan está com as cidades no radar, porém, não há nada comprado”.

Comentários

Mais notícias

ArcelorMittal vai parar mais um alto-forno em Tubarão

Maior indústria instalada na Serra e 3ª maior planta produtora de aço do Brasil, a ArcelorMittal Tubarão anunciou que vai paralisar o Alto-Forno 03....

Espírito Santo tem 7 novos casos de Covid-19

O Espírito  Santo tem sete novos casos do novo coronavirus, segundo da informação divulgada pelo governador Renato Casagrande no final da tarde deste sábado...

Indústria faz campanha para consumidor priorizar produto capixaba

A Federação das Indústrias do Espírito Santo (Findes) lançou esta semana campanha para que o consumidor capixaba compre produtos produzidos no Estado. A campanha diz...

Mais de 43 mil moradores já se vacinaram contra gripe na Serra

Durante a primeira semana da Campanha de Vacinação contra gripe para os grupos prioritários, a Serra já imunizou mais de 43 mil moradores. De...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!
Precisa falar com o Tempo Novo? Envie sua mensagem