23.2 C
Serra
terça-feira, 22 de setembro de 2020

Palestra aborda comportamentos e afetos nas redes sociais

Leia também

Quer emprego? Sine da Serra abre 166 novas vagas de trabalho nesta terça

Com oportunidades para diversas profissões, a terça-feira (22) chegou recheada de novas vagas de emprego no Sine da Serra....

Casagrande critica Bolsonaro por “negacionismo” de incêndios no Brasil

Em meio a incêndios que destroem o Pantanal e a Amazônia no Brasil, o governador Renato Casagrande (PSB), criticou,...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

A palestra será ministrada pela jornalista Renata Rezende, no Cine Metrópolis, na Ufes. Foto: Divulgação
A palestra será ministrada pela jornalista Renata Rezende, no Cine Metrópolis, na Ufes. Foto: Divulgação

A jornalista, professora e doutora Renata Rezende (UFF) vai ministrar palestra durante o evento de lançamento do livro-reportagem “Comunicação e Territorialidades: as pesquisas inaugurais do primeiro Programa de Pós-Graduação em Comunicação do Espírito Santo”, nesta quarta (24), às 19 horas, no Cine Metrópolis, da Ufes.

O tema será “Afetos na vida digital”. Segundo Renata, sua apresentação parte de uma perspectiva filosófica dos afetos e abordará questionamentos sobre a produção de sentido na construção dos relatos dos usuários das redes sociais. “Vou apresentar a primeira parte da minha última pesquisa, que é sobre comportamento nas redes sociais, foi feita com 600 usuários do Facebook e teve como foco principal essas questões das trocas informacionais no uso das redes digitais. Tentamos identificar como esses sujeitos estão usando as redes sociais, numa temática relacionada à questão das tolerâncias”, explicou.

Segundo ela apurou nessa fase da pesquisa, a impressão é que as pessoas usam as mediações nas redes sociais para um embate que, caso ocorresse presencialmente, talvez não se daria da mesma forma. “O conceito de afeto no ambiente digital está gerando uma narrativa catártica, como se as pessoas usassem a rede para reclamar, e a incidência maior é no que se refere à política”, revela.

O livro-reportagem “Comunicação e Territorialidades: as pesquisas inaugurais do primeiro Programa de Pós-Graduação em Comunicação do Espírito Santo”, que tem autoria de 20 alunos de graduação da Ufes, do projeto Comunicação Capixaba (CoCa), e foi organizado pelo professor doutor José Antonio Martinuzzo e pela mestranda em Comunicação e Territorialidades, Marcela Tessarolo. O lançamento tem apoio da ArcelorMittal Tubarão.

Comentários

Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Mais notícias

Casagrande critica Bolsonaro por “negacionismo” de incêndios no Brasil

Em meio a incêndios que destroem o Pantanal e a Amazônia no Brasil, o governador Renato Casagrande (PSB), criticou, nesta segunda-feira (21), o "negacionismo"...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!