19.7 C
Serra
sábado, 28 maio - 2022
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 71.679 casos
  • 1.485 mortes
  • 69.752 curados

Pacto Antenupcial: 5 coisas que você precisa saber

Leia também

Campanha de segurança de trânsito alcança 3 mil serranos

Desde o inicio deste mês, o Departamento Operacional de Trânsito (DOT), tendo em vista a campanha de conscientização de...

Polícia prende suspeitos de roubar carro com bebê e criança na frente de creche na Serra

A Policia Civil, por meio da Divisão Especializada de Furtos e Roubos de Veiculos, prendeu em flagrante um dos...

Lei torna hediondo crime praticado contra menores de 14 anos

O Presidente Jair Bolsonaro sancionou a Lei 14.344/2022 que cria mecanismos para a prevenção e o enfrentamento da violência...
Redação Jornal Tempo Novohttp://WWW.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

O casamento gera diversos efeitos patrimoniais, e por isso é indispensável a escolha do regime de bens. Neste artigo, falarei sobre as 5 coisas que você precisa saber sobre o pacto antenupcial.

1 – O que é um Pacto Antenupcial?

É um contrato celebrado pelos nubentes anterior ao casamento, no qual irão deliberar quais serão as regras sobre a questão patrimonial e a administração desses bens.

Inexistindo um pacto antenupcial, vigora o regime de comunhão parcial de bens. No entanto, no pacto antenupcial, os nubentes podem celebrar de forma diversa, por exemplo, separação de bens, comunhão de bens, participação final dos aquestos, ou qualquer outro que lhes convier.

2 – Quando é necessário a elaboração de um pacto antenupcial?

É necessário quando os noivos determinarem um regime diverso do regime legal (comunhão parcial de bens). Por exemplo, Pedro e Bruna casaram-se pelo regime da comunhão parcial de bens, logo não precisarão do pacto antenupcial.

Porém, caso escolham o regime de separação total de bens, comunhão universal de bens, participação final dos aquestos, é necessário ter o Pacto Antenupcial.

Cumpre destacar, que na separação obrigatório de bens, determinada para pessoas com idade igual ou acima de 70 anos, não é obrigatório o Pacto Antenupcial.

3 – Qual a previsão legal para o Pacto Antenupcial?

Previsão nos artigos: art. 1.640, parágrafo único; artigos 1.653 a 1667; e artigos 1.665 e 1.688, todos do Código Civil.

4 – Qual a forma necessária?

O pacto antenupcial deve ser celebrado por instrumento público em um tabelionato de notas para ter validade, e somente terá eficácia após a celebração do casamento.

5 – Quando produz efeitos perante terceiros?

Quando for registrado no registro de imóveis, ainda que nenhum dos cônjuges tenham imóveis.

Vai casar e tem dúvidas? Procure um advogado de sua confiança.

Redação Jornal Tempo Novohttp://WWW.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!