21.6 C
Serra
domingo, 31 de Maio de 2020

Novo corre para atingir meta de 150  filiados

Leia também

Auxiliares e técnicos de enfermagem do Jayme decidem se entram ou não em greve na segunda

O Sindicato dos Auxiliares e Técnicos em Enfermagem do Espírito Santo (SITAEN-ES) marcou, para a próxima segunda-feira (1), às...

Servidores da Serra podem realizar perícia médica por meio da internet

Enquanto os serviços seguem limitados em função da pandemia do novo coronavírus, a Prefeitura da Serra está permitindo que...

Mais de 60 vagas de emprego no Sine da Serra na segunda (1)

Se você está procurando emprego o  Sine da Serra não está realizando atendimento presencial ao público, mas continua captando...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

O partido Novo da Serra mais do que duplicou seus filiados num intervalo de dois meses e está animado para a eleição de 2020. Em março, ele contava com 30 filiados ativos, ou seja, que contribuem mensalmente com o valor de R$ 29,80. Agora, no início de maio, o Novo ultrapassou a barreira de 70 filiações ativas, e vão se aproximando da meta estipulada pelo diretório nacional, que é de 150 membros.

Entretanto, articuladores do partido têm afirmando que não pode relaxar, uma vez que o prazo vence no dia 15 de junho. Atingir a meta é importante, é a primeira barreira para montar uma chapa competitiva para a eleição na Serra, uma vez que a Nacional só permite a abertura de diretórios municipais com mais de 150 filiados.

O Novo possui planos de lançar uma chapa de vereador completa em 2020 e tem tendência de debater uma candidatura a prefeito da Serra. Portanto, ter um diretório municipal é uma condição fundamental para atingir esses objetivos. Em março, dois filiados do Novo, Wilson Zon e Wesley Vieira, disseram ao Tempo Novo que o valor cobrado pelo partido para ser um filiado ativo é por conta da determinação do seu estatuto, que proíbe o recebimento de recursos públicos com o Fundo Partidário e Eleitoral.

Patriota se movimenta para eleger vereador

O partido Patriota quer se estruturar para eleger vereador na Serra em 2020. No próximo dia 10, o deputado Rafael Favatto, presidente da Estadual da sigla, virá ao município às 18h, no auditório do Clube de Dirigentes Lojistas da Serra (CDL), para se reunir com um grupo de simpatizantes e discutir eleições de 2020 com o objetivo de formação da nova Comissão Provisória no município. O Patriota é o antigo PEN (Partido Ecológico Nacional), que mudou de nome numa tentativa de atrair o então deputado federal Jair Bolsonaro, hoje presidente do Brasil pelo PSL.

Comentários

Mais notícias

Servidores da Serra podem realizar perícia médica por meio da internet

Enquanto os serviços seguem limitados em função da pandemia do novo coronavírus, a Prefeitura da Serra está permitindo que seus servidores realizem a perícia...

Mais de 60 vagas de emprego no Sine da Serra na segunda (1)

Se você está procurando emprego o  Sine da Serra não está realizando atendimento presencial ao público, mas continua captando e oferecendo as vagas de...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!