• CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 68.100 casos
  • 1.417 mortes
  • 66.111 curados
23.7 C
Serra
sexta-feira, 23 julho - 2021
  • CORONAVÍRUS NA SERRA:
  • 68.100 casos
  • 1.417 mortes
  • 66.111 curados

Dez vereadores podem disputar as eleições para deputado em 2022

Leia também

Supermercado Casagrande multado em R$ 83 mil por fazer loja sem licença em Jacaraípe

A nova loja do supermercado Casagrande em Jacaraípe, prevista para ser inaugurada na semana que vem, foi multada em...

Estudo inglês demonstra que segunda dose de vacinas é essencial contra a variante delta

Mais um estudo demonstra a necessidade da segunda dose da vacina contra a Covid para que a proteção seja...

Gleisi Hoffman vem ao Estado para contribuir na formação de uma frente pró-Lula

  Com o avanço da popularidade de Lula no Espírito Santo e retomada do ex-presidente na preferência dos eleitores capixabas,...
Mari Nascimento
Mari Nascimento é repórter do Tempo Novo há 18 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal, principalmente para a de Política.
Nem bem saíram de uma eleição, ao menos dez dos 23 vereadores da Serra estão se articulando para disputar um novo pleito, em 2022, desta vez para os cargos de deputado federal e deputado estadual.
Podem buscar uma vaga nas esferas estadual ou federal os vereadores Rodrigo Caldeira (PRTB), Pablo Muribeca (Patriota), Raphaela Moraes (Rede), Saulinho Neves (Patriota), Igor Elson (Podemos), Adriano Galinhão (PSB), Professor Rurdiney (PSB), Wellington Alemão (DEM), Anderson Muniz (Podemos) e Paulinho do Churrasquinho (PDT).
A reportagem do Tempo Novo conversou com alguns dos pré-candidatos, que confirmaram as especulações. Segundo o Professor Rurdiney, o seu foco no momento é o mandato de vereador e respeito ao voto do cidadão, pela escolha do seu nome.
“Falar sobre 2022 agora é prematuro, até porque o cenário está bem distante ainda. Apesar de haver especulações e convite, penso que nesse momento nosso foco e energia são para o mandato de vereador. Tem o convite. Mas, volto a frisar que a nossa preocupação no momento é em dar continuidade as ações como vereador e cumprir as nossas propostas. Continuarei dialogando, avaliando o cenário político e as condições, não se pode fechar uma porta para disputar as eleições de 2022. Assim como nosso mandato, tudo será pensado e decidido coletivamente”, pontuou”, pontuou.
De acordo com os bastidores da Câmara da Serra, Igor Elson contaria com o apoio do senador Marcos Do Val e da igreja Maranata para concorrer em 2022, ao cargo de deputado federal.
“Estou focado no mandato de vereador, mas estou sendo cobrado pelo partido e pela população, entendendo que tenho perfil de gestor por ter ocupado três pastas na prefeitura da Serra. Estou à disposição do partido. O presidente estadual Gilson Daniel e o senador Marcos do Val me pediram para ser candidato. Há uma chance para que eu venha, sim, só não defini se é federal ou estadual”, avisou.
Rodrigo Caldeira também se articula nos bastidores e tem o apoio de alguns vereadores.
“Sou candidato a deputado federal em 2022. Na Câmara, tem algumas pessoas falando sobre ser candidatos a estadual, acho que uns 3 a 4, falando sobre ser candidato a estadual. Federal, lá, acredito que só eu mesmo”, frisou.
Pablo Muribeca pode ser candidato a estadual. Saulinho recebeu a chancela da direção estadual do partido para  federal. Raphaela Moraes é cotada por colegas para federal. Paulinho do Churrasquinho seria o candidato da bancada do PDT para estadual. Wellington Alemão é cotado para representar o DEM na corrida para deputado estadual. Anderson Muniz pode ser estadual ou federal, segundo o presidente do partido, Hamilton Luiz. 
Adriano Galinhão também confirma. “Neste cenário vejo a chance de a Serra ter um candidato diretamente das comunidades. Foi líder comunitário, veio da base, está no segundo mandato de vereador, conhece a realidade dos mais pobres. Neste momento estamos colocando nosso nome à disposição da Serra para que a população da cidade possa avaliar para as próximas eleições de deputado estadual”, explicou. 

Mari Nascimento
Mari Nascimento é repórter do Tempo Novo há 18 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal, principalmente para a de Política.

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!