18 C
Serra
sexta-feira, 29 de Maio de 2020

Município cria grupos para promover alimentação saudável

Leia também

Indústria cobra e Estado diz que está liberando crédito para empresas

Nesta quinta-feira (28) a Federação das Indústrias do Espírito Santo (Findes) divulgou carta aberta em que cobra o governo...

Queima de pneus todos os dias incomoda moradores de bairro da Serra

Na região de Feu Rosa e uma parte de Portal de Jacaraípe a reclamação é a fumaça gerada pela...

Covid-19 também provoca epidemia de desemprego na Serra

Locomotiva econômica e município de maior população do ES, a Serra é a cidade com mais demissões nesta pandemia...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Mais de 7.500 cidadãos da Serra passaram, em 2016, por avaliação do estado nutricional e de consumo alimentar nas Unidades de Saúde. Foto: Divulgação Agência Brasil

A alimentação adequada está diretamente ligada à qualidade de vida. Tanto é que o Ministério da Saúde oficializou em seu calendário o Dia da Saúde e Nutrição, lembrado nesta sexta-feira (31|). No município da Serra, a população recebe orientação nas Unidades de Saúde Regional e participa de grupos sobre consumo consciente visando à alimentação saudável.

Nas Unidades, há grupos específicos para reeducação alimentar, em que são orientadas práticas como leitura e compreensão de rótulos dos alimentos, uso de quantidades pequenas de sal e açúcar, a quantidade de alimento a ser ingerida por refeição, entre outras dicas.

O vendedor Ronaldo Alves dos Reis comemora a volta do fôlego nas atividades diárias e as roupas mais largas. Ele entrou no grupo de Reeducação Alimentar na Unidade Regional de Novo Horizonte com 96kg. Participou durante um mês, e está com 91kg.

“Cheguei a pesar 105kg, mas precisava de ajuda e procurei a Unidade de Saúde. Estou me alimentando melhor, com verduras e frutas, refrigerante eu não bebo mais. É difícil, mas com força de vontade você consegue. Eu retornei para o acompanhamento, porque funcionou muito bem”, afirmou Reis.

O incentivo vem da mulher, Edileuza Alves Reis. “Acompanho ele todas as vezes, porque sozinho ele pode desanimar. E nós dois percebemos que a saúde melhorou, ele roncava muito e era sempre ofegante ao dirigir e nas caminhadas. Hoje, olho a foto antiga e não é a mesma pessoa”, comentou.

A nutricionista Danielly Biasutti, que atua há dois anos na Unidade Regional de Jacaraípe, explica que o trabalho abrange todas as faixas etárias e que, além da reeducação alimentar para adultos, existem outros grupos nos quais o nutricionista atua, entre eles: tabagismo; reeducação alimentar também para crianças e adolescentes; hiperdia; e o Programa de Orientação ao Exercício Físico (Proef), junto aos profissionais de Educação Física .

“No convívio social já percebemos mudança. Quando realizamos nossas comemorações, por exemplo, você vê a interação. Eles trazem suco natural e preferem receitas mais leves. Antes era uma mesa só de industrializados”, comentou

Quatro Unidades Regionais contam com a presença de nutricionista: Novo Horizonte, Jacaraípe, Feu Rosa e Boa Vista. Nelas, os trabalhos priorizam grupos e o munícipe deve vir encaminhado das Unidades de Saúde de sua região, de acordo com a orientação médica. A inserção na atividade varia com a necessídade, seja ela prevenção a complicações do diabetes, reeducação alimentar, hiperdia ou outras.

Avaliação

Mais de 7.500 cidadãos da Serra passaram, em 2016, por avaliação do estado nutricional e de consumo alimentar nas Unidades de Saúde. O acompanhamento é promovido por meio de ações de Vigilância Alimentar e Nutricional (VAN), incluindo também acompanhamento do Programa Bolsa Família.

O objetivo é copilar dados  a partir do perfil destes pacientes para relatórios que permitam interpretar a situação alimentar e nutricional da população e para que os profissionais de saúde tomem a melhor decisão quanto ao cuidado a ser ofertado.

Para isso, trabalhadores da atenção básica do município passaram por formações entre 2015 e 2016. A Secretaria Municipal de Saúde realizou curso em Promoção da Alimentação Adequada e Saudável para mais de 160 servidores de 15 unidades diferentes, utilizando como base o Guia da Alimentação Saudável do Ministério da Saúde.

Dicas para alimentação saudável:

  • fazer de alimentos in natura ou minimamente processados a base da alimentação;
  • utilizar óleos, gorduras, sal e açúcar em pequenas quantidades ao temperar e cozinhar alimentos e criar preparações culinárias;
  • limitar o consumo de alimentos processados;
  • evitar o consumo de alimentos ultraprocessados;
  • dar preferência, quando fora de casa, a locais que servem refeições feitas na hora;
  • ser crítico quanto a informações, orientações e mensagens sobre alimentação veiculadas em propagandas comerciais.

 

Comentários

Mais notícias

Queima de pneus todos os dias incomoda moradores de bairro da Serra

Na região de Feu Rosa e uma parte de Portal de Jacaraípe a reclamação é a fumaça gerada pela insistente queima de pneus que...

Covid-19 também provoca epidemia de desemprego na Serra

Locomotiva econômica e município de maior população do ES, a Serra é a cidade com mais demissões nesta pandemia de coronavírus. Em abril, 5.605...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!