Maylla dá uma mão para o body da Serra voltar a brilhar no ES

0
Os Atletas  Maylla Venturin e Fábio di Franco estão à frente dos projetos para voltar a alavancar o esporte no município
Os Atletas Maylla Venturin e Fábio di Franco estão à frente dos projetos para voltar a alavancar o esporte no município. Foto: Edson Reis 

Por Thiago Albuquerque

Chegou a hora de voltar. Esta promete ser a pegada do bodyboarding que estava parado na Serra há meses. O retorno do esporte inclui aulas de 15 em 15 dias e etapa serrana para competidores em novembro, na praia do Solemar, em Jacaraípe.

À frente da iniciativa está Maylla Venturin, atleta que é 3 vezes vice-campeã Mundial, campeã Latino Americana, campeã Brasileira e Hepta Campeã Estadual. Junto com a atleta está o parceiro Fábio Di Franco, que é quatro vezes campeão estadual nos anos 90 e que também organizou vários campeonatos na cidade. Eles têm uma missão pela frente: trazer de volta a agenda do body para a cidade.

A ideia com a volta das competições é movimentar o calendário dos amantes do esporte. “Neste campeonato em novembro já esperamos de 60 a 80 atletas de polos importantes como Serra, Vila Velha, Guarapari e Linhares”, fala Fábio Di Franco.

A ideia é resgatar o body, trazer o mar de volta para perto das crianças, adolescentes e jovens da cidade. O projeto do Instituto Maylla Venturin que vinha sendo realizado na praia do Solemar, em Jacaraípe, parou porque em dezembro de 2014, com a mudança de governo, o apoio foi cortado. “Só que sentimos a necessidade de voltar, era um trabalho bacana e não queremos deixar morrer”, conta Maylla.

Segundo a atleta, as crianças sempre perguntavam nas ruas pelas aulas. “Fizemos uma reunião e decidimos voltar”.

E o primeiro passo foi dado no último sábado (22) com um aulão do esporte na praia. O próximo encontro já tem data marcada: será dia 5 de setembro.

O projeto é ligado ao Instituto Maylla Venturin. “O programa é bem bacana e através do esporte, ajudamos a mudar a mentalidade, temos palestras, aulas práticas, damos noção de meio ambiente às crianças que nos apoiam e adoram as aulas. O esporte é importante para educação, superação e determinação”.

Comentários