22.7 C
Serra
sexta-feira, 03 de julho de 2020

Lula livre na Serra | Confira os bastidores da política no ‘O Nó da Gravata’

Leia também

Viviane Miranda fará segunda live solidária no dia 12 de julho

A cantora Viviane Miranda, moradora de Feu Rosa, na Serra, fará sua segunda live solidária no próximo dia 12...

Como fica o direito da gestante a um acompanhante no momento do parto durante a pandemia

O direito a um acompanhante durante o parto é garantido pela lei federal nº 11.108 de 2005 (lei do...

Serra ultrapassa oito mil casos confirmados de coronavírus e atinge 320 mortes

Seguindo na liderança de casos confirmados de coronavírus no Espírito Santo, a Serra já ultrapassou a triste marca de...
Redação Jornal Tempo Novo com informações de assessoriahttps://www.portaltemponovo.com.br
O Tempo Novo é da Serra. Fundado em 1983 é um dos veículos de comunicação mais antigos em operação no ES. Independente, gratuito, com acesso ilimitado e ultra regionalizado na maior cidade do Estado.

Com a soltura do ex-presidente Lula, o PT da Serra se assanhou para lançar candidato próprio em 2020. De acordo com o ex-vereador Gilmar Carlos, “sem dúvida, com a liberdade de Lula, o PT vem pra rua com mais motivação e isso poderá refletir na Serra”. Outro militante histórico, Cleber Lanes disse acreditar que a “tendência é influenciar nos processos municipais em todo o Brasil” e que aqui na Serra “não será diferente, é uma hipótese real”. Ele relativizou que ainda dependerá “do tabuleiro político estadual”, mas confirma a animação.

De frete com Huck

O ex-governador Paulo Hartung (sem partido) está bem coladinho com o apresentador da TV Globo, Luciano Huck. Nessa semana, uma extensa reportagem do site Uol listou Hartung como o “mestre” e “mentor” de Huck, e apresentou um histórico do ex-governador. Creditou a Hartung o equilíbrio fiscal do Espírito Santo e o combate ao crime organizado, mas lembrou da greve da PM ocorrida em fevereiro de 2017.

Deu choque

Nessa semana o deputado estadual Vandinho Leite (PSDB) voltou a subir o tom contra a EDP em pronunciamento na Assembleia Legislativa. Ele disse que a empresa multou em R$ 9 mil um morador “humilde” da Serra por conta do relógio, que estava empenado. Vandinho disse que o morador o procurou e foi feita uma ação judicial contra a EDP; com isso, a Justiça cancelou a multa. O parlamentar disse que a EDP multa consumidores sem critério e cobrou fiscalização para punir excessos da concessionária de energia.

Sobre sucessão

Falando em Vandinho, na semana passada, o TEMPO NOVO registrou um burburinho de que ele e o prefeito da Serra, Audifax Barcelos (Rede), teriam se aproximado. Na sexta passada (8), um sinal forte foi dado ao meio político: Audifax anunciou ao lado de Vandinho um projeto de lei que visa acabar com a taxa de iluminação para mais de 50 mil consumidores da Serra, que são aqueles inclusos na Tarifa Social. Vandinho e Audifax, muito bem alinhados, tiraram fotos juntos e pareciam ter boa sintonia política. Vale lembrar que Audifax ainda não anunciou um sucessor para a eleição de 2020.

Saiam…

O PTC expulsou, nessa semana, os seus dois vereadores: Miguel da Policlínica e Adriano Galinhão. O argumento foi bem curioso: os parlamentares não pagaram as taxas de contribuição partidária. Mas, nos bastidores, sabe-se bem o motivo: o partido quer limpar a chapa para 2020. O PTC está sob controle de aliados do vereador Luiz Carlos Moreira e a intenção é fazer uma chapa boa para eleger futuros parlamentares, só que a presença de Miguel e Adriano atrapalhava a filiação de candidatos.

…entrem

O PTC está agressivo na sua determinação de eleger vereador. Ao mesmo tempo em que ‘limpa a área’, expulsando dois vereadores citados, a sigla vai atrás de filiações de peso. A nova conquista da legenda foi Vicente Rosa Mística, que teve 1.100 votos na eleição de 2016. Junto com ele, veio Tião da Telemar, o cabo eleitoral dos sonhos de qualquer candidato a vereador.

Dudu, o filho

E não é só o PTC. O PDT está seguindo o mesmo caminho. Já foi expulso o vereador Fábio Duarte, e dizem que Geraldinho PC deverá sofrer do mesmo. Nesse caso, dizem as más línguas da Serra, que o objetivo é limpar a chapa para eleger o filho de Sérgio Vidigal, Dudu Vidigal, que já admitiu a intenção de ser candidato.

 

Comentários

Mais notícias

Como fica o direito da gestante a um acompanhante no momento do parto durante a pandemia

O direito a um acompanhante durante o parto é garantido pela lei federal nº 11.108 de 2005 (lei do acompanhante), que alterou a lei...

Serra ultrapassa oito mil casos confirmados de coronavírus e atinge 320 mortes

Seguindo na liderança de casos confirmados de coronavírus no Espírito Santo, a Serra já ultrapassou a triste marca de oito mil moradores infectados e...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!