22 C
Serra
sexta-feira, 10 de julho de 2020

Lava jato em Parreiral limpa carro com 250 ml de água

Leia também

Serra já possui 8.930 moradores infectados e 353 mortos pelo coronavírus

A Serra continua sendo a segunda cidade com mais moradores infectados e mortos pelo coronavírus em todo o Espírito...

Estado soma 467 casos de Covid-10 em instituições de idosos

Dados do último levantamento feito pelo Centro de Apoio Cível e Defesa da Cidadania (CACC) do Ministério Público do...

Articulação de Amaro traz R$ 1.5 milhão extra para enfrentar coronavírus na Serra

O combate à pandemia do novo coronavírus nos municípios capixabas vai receber reforço com o envio de recursos extras...
Bruno Lyrahttps://www.portaltemponovo.com.br
Repórter do Tempo Novo há mais de 10 anos, Bruno Lyra escreve para diversas editorias do portal, principalmente Economia e Meio Ambiente, das quais é o responsável.

O empresário Paulo Ribeiro aposta na maior exigência do consumidor por práticas mais sustentáveis. Foto: Renato Ribeiro
O empresário Paulo Ribeiro aposta na maior exigência do consumidor por práticas mais sustentáveis. Foto: Renato Ribeiro

Por Renato Ribeiro

Imagine você lavar o seu carro com um copo de 250 ml de água? Parece mentira, mas não é. A prática está disponível no mercado e na Serra já há lava jato que faz isso. Um deles fica em Chácara Parreiral.

De acordo com o proprietário, Paulo Roberto Ribeiro, a técnica é chamada de lavagem ecológica a seco, onde é utilizado um produto biodegradável diluído num copo de água que é aplicado no veículo com um borrifador. Após a aplicação, utiliza-se um pano de microfibra para retirar a poeira que sai junto do produto e dá brilho ao automóvel.

O melhor disso tudo, que além de economia de água, o valor da limpeza para o cliente é o mesmo de uma lavagem tradicional, que é de R$ 30,00.  Segundo Paulo a técnica deixa o carro mais limpo que a técnica convencional, mesmo utilizando cerca de 1% de água que esse tipo de lavagem.

“Um lava jato que utiliza uma lavadora (bomba) industrial de alta pressão, gasta em média  200 litros de água para limpeza de um carro. Na lavagem ecológica a seco, gasta-se de 200 a 250 ml de água apenas, em menos tempo de serviço. O produto biodegradável que é aplicado na lataria para retirar a sujeira é o mesmo que dá o brilho no veículo e protege a pintura”, disse o proprietário.

Ainda segundo Paulo, além de mais ecológica e eficiente, a lavagem a seco representa uma redução importante no valor da conta de água. “Diante da crise hídrica, eu já havia substituído as bombas industriais por bombas domésticas, o que reduziu drasticamente o consumo de água do lava jato. Com o uso da lavagem ecológica, essa redução passou a ser de 60 a 70%”, concluiu.

Cliente do Lava Jato, o engenheiro eletricista Otávio Rizzoli aprovou a iniciativa. “Tudo que busca a preservação do meio ambiente deve ser exaltado. Fui um dos primeiros clientes a lavar o carro com a utilização do produto, e nunca mais lavei do modo tradicional. Se cada um fizer a sua parte, podemos reverter o quadro de escassez dos nossos recursos hídricos”, finalizou.

O lava Jato conta ainda com o processo de tratamento dos seus efluentes, através de caixa de separação água, óleo e resíduos, evitando que a água seja descartada fora dos padrões previstos em lei.  Segundo o proprietário, o próximo passo é o reuso de pelo menos 80% da água utilizada nas atividades.

O lava jato Lavauto fica no bairro Chácara Parreiral e funciona de segunda a sábado de 08h às 18h.  O contato é no tel 99942 – 8948.

Comentários

Mais notícias

Estado soma 467 casos de Covid-10 em instituições de idosos

Dados do último levantamento feito pelo Centro de Apoio Cível e Defesa da Cidadania (CACC) do Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES)...

Articulação de Amaro traz R$ 1.5 milhão extra para enfrentar coronavírus na Serra

O combate à pandemia do novo coronavírus nos municípios capixabas vai receber reforço com o envio de recursos extras de R$ 9 milhões para...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!