Lamas quer lista de quem suja a lagoa Jacuném

0

O nome das empresas, o tipo de esgoto industrial que estão jogando na lagoa Jacuném e a quantidade do que é descartado no manancial. É o que quer saber o deputado estadual Bruno Lamas (PSB), que tem base eleitoral na Serra.

De acordo com a assessoria do deputado, a formalização do pedido das informações foi protocolada na tarde de ontem (26), junto a Secretaria Municipal de Meio Ambiente da Serra (Semma), Agência Estadual de Recursos Hídricos (Agerh) e Cesan. A situação da Jacuném foi debatida na última quarta-feira (25) na Assembleia Legislativa, durante reunião da Frente Parlamentar de Combate a Pesca Predatória e Preservação de Nascentes, Mananciais, Manguezais e Lagoas, da qual Bruno é membro.

Na reunião também foi discutido o lançamento de esgoto doméstico, que nos últimos anos vêm provocando a proliferação descontrolada de plantas aquáticas e fazendo sumir o espelho d’água; a caça; pesca predatória e ainda o risco à saúde de quem consome os peixes do manancial.

A Jacuném está dentro de uma Área de Proteção Ambiental (APA) Municipal, que possui uma sede com bela vista panorâmica da lagoa, onde inclusive, funciona destacamento da Polícia Ambiental e da divisão Ambiental da Guarda Municipal.

A lagoa é cercada pelas indústrias dos Civit´s I e II e recebe esgoto, tratados ou não, dos bairros da região. Suas águas descem para a praia de Jacaraípe pelo rio que deságua na praça Encontro das Águas.

 

 

 

Comentários