[secondary_title]

Infertilidade pode afetar até 50% das mulheres com endometriose

- PUBLICIDADE-
endometriose
Segundo a Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo), a infertilidade atinge entre 30 e 50% das mulheres com endometriose. Crédito: Freepik

Este mês é dedicado à campanha do “Março Amarelo”, criada com objetivo de promover a conscientização sobre a endometriose, doença ginecológica crônica que afeta entre 10 e 15% das mulheres em idade fértil.

A doença provoca cólicas intensas e incapacitantes, dores pélvicas e durante a relação sexual, além de um outro agravante que preocupa: a dificuldade de gestação. Segundo a Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo), a infertilidade atinge entre 30 e 50% das mulheres com endometriose.

A médica ginecologista Thaissa Tinoco, que atua no tratamento da endometriose, ressaltou que é fundamental estar atenta aos sintomas. “Muitas mulheres passam anos sofrendo com essa doença porque normalizam suas dores. Quanto mais tardio for o diagnóstico, maiores as chances da paciente ter complicações em decorrência da doença, como a dificuldade de engravidar. Mas apesar do risco de infertilidade, muitas mulheres com endometriose conseguem gestar depois de serem submetidas ao tratamento adequado”, informou a médica.

A endometriose ainda não tem cura definitiva, mas com o tratamento especializado é possível amenizar os sintomas, combater a infertilidade (em boa parte dos casos) e proporcionar mais qualidade de vida à mulher.

Segundo Thaissa, o tratamento pode ser medicamentoso, hormonal ou cirúrgico, a depender do estágio da doença e dos sintomas relatados pela paciente.

“A endometriose pode se manifestar ainda na adolescência. Por isso, se a menina apresentar quadros de cólicas menstruais incapacitantes, é importante que ela seja levada ao ginecologista para que seja feita uma avaliação. Infelizmente, essas queixas muitas vezes são ignoradas porque muitas cresceram ouvindo que são ‘coisas de mulher’. Mas trata-se de uma doença difícil, dolorosa e precisa, sim, de tratamento”, finalizou a ginecologista.

...

Curta-metragem premiado ‘Encruzilhadas do Caos’ será exibido gratuitamente na Serra

O premiado Encruzilhadas do Caos, do diretor e roteirista Alexander S. Buck, será exibido na Serra gratuitamente para quem quiser conferir o curta-metragem que...

Samba na Varanda reúne 4 grupos de pagode para animar shopping da Serra

Nos próximos dias 27 e 28, vai ter Samba na Varanda com diversas atrações no Shopping Montserrat, em Colina de Laranjeiras, na Serra. O evento...

Andaluz, indústria da Serra, abre vagas de emprego com salário de R$ 1.982

A Andaluz, empresa especializada na fabricação de produtos para o setor elétrico, está com processo seletivo aberto para a contratação de novos funcionários e...

Realidade do RJ é trágica, mas abre excelentes oportunidades econômicas para Serra

Não é necessário estar muito informado para saber que o Rio de Janeiro enfrenta profundas instabilidades governamentais. De questões de segurança pública a diversos...

Nova Almeida terá quatro dias de liquidação a partir desta quinta

Começa nesta quinta-feira (18), às 16 horas, o Liquida Nova Almeida, um encontro de empreendedores da região que vai oferecer descontos em produtos diversos...

Secretaria de Educação: novo concurso oferta 1.000 vagas e salários de R$ 5.500

A Secretaria de Educação (Sedu) está nos preparativos para lançar um concurso público que oferecerá cerca de 1.000 vagas, com remunerações que podem alcançar...

Com iniciativa inédita, Câmara da Serra vai emprestar abafadores de ruídos para autistas

A Câmara da Serra deu um passo importante e inédito para atender pessoas diagnosticadas com Transtorno do Espectro Autista (TEA). A Casa de Leis...

Cesar Baldan grava sambas e baiões em primeiro álbum solo

Com 20 anos de atuação na cena musical capixaba, o cantor, compositor e instrumentista Cesar Baldan passeia com desenvoltura pelos ritmos brasileiros em seu...
Anúncio
close-link