21.9 C
Serra
terça-feira, 21 de janeiro de 2020

Guerra de faixas

Leia também

Regional da Nair, Tunico da Vila e DJ’s agitam Manguinhos no sábado

Neste sábado (25) vai ter muito samba no Enseada Beach, em Manguinhos, a partir das 14 horas. Trata-se do...

Serra abre vagas para cuidador com salário de R$ 1.039

Está aberto o processo seletivo simplificado para a contratação de cuidador, que irá atuar junto aos estudantes com deficiência...

Jiu-jítsu, caratê e shows encerram programação da Arena Procon

A Arena Procon Serra está se despedindo da praia de Jacaraípe, mas até esta quarta-feira (22), último dia de...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Está dando o que falar as faixas de agradecimento por obras e serviços prestados pelo prefeito Audifax Barcelos (Rede) em bairros da cidade. É que surgiram imagens nas redes sociais onde abaixo de cada faixa, aparece outra esculhambando a administração com frases do tipo “Obrigado uma ova! Obrigação não é favor”.  É o clima eleitoral de 2016 já dando as caras.

Discreto  

O sempre discreto vereador Pastor Ricardo (PRB) utilizou a Tribuna da Câmara da Serra para defender o projeto que prevê a implantação de um centro de referência à pessoa com deficiência física na Serra, apresentado na Câmara e aprovado nesta quarta-feira (16). O vereador indicou, inclusive, o local onde o centro poderia ser instalado, nas proximidades do Hospital Dório Silva.

Ô zika!   

Já o vereador oposicionista Aldair Xavier (PTB), fez requerimento verbal, aprovado no plenário, convidando o secretário municipal de Saúde (Sesa), Luiz Carlos Reblin, para comparecer às 17h, da próxima segunda (21), à Câmara para detalhar o que o orçamento municipal de 2016 prevê para combate ao zika vírus. “Não sabemos como a Secretaria de Saúde está trabalhando esta questão”, cutucou o vereador.

Extinção ao eucalipto

Por falar sobre Aldair, o vereador apresentou Projeto de Lei que proíbe o plantio de eucalipto na Serra, por entender que traz impactos negativos ao meio ambiente. O petebista menciona que a planta consome anualmente milhares de litros de água. “As plantações já existentes terão prazo de cinco anos para serem extintas”, explicou Aldair à coluna.

Moqueca com lama

A moqueca capixaba foi declarada patrimônio imaterial do Estado do Espírito Santo pela Lei Estadual 10.463/2015, promulgada pela Assembleia Legislativa e publicada no Diário do Poder Legislativo desta quinta-feira (17). A lei é uma iniciativa da deputada Luzia Toledo (PMDB). Fica a torcida da coluna para que os metais pesados na lama que matou o rio Doce e segue se espalhando no litoral capixaba não contamine os peixes do mar.

Lá vem o Aníbal

Tomou posse na tarde desta quinta-feira (17) a nova Mesa Diretora do Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJ-ES), para o biênio 2016-2017, que tem como presidente o desembargador Aníbal de Rezende Lima. A cerimônia foi concorrida e contou com a presença do governador Paulo Hartung (PMDB), do presidente da Assembleia Legislativa, Theodorico Ferraço (DEM). Despede-se da Presidência o desembargador Sérgio Bizzotto. O novo presidente terá entre suas missões concretizar a transferência de parte do Fórum da Serra para Jardim Limoeiro, atendendo a uma demanda de juízes e servidores que atuam na sede e reclamam da distância e condições precárias do atual prédio.

Comentários

Mais notícias

Serra abre vagas para cuidador com salário de R$ 1.039

Está aberto o processo seletivo simplificado para a contratação de cuidador, que irá atuar junto aos estudantes com deficiência nas unidades de ensino da...

Jiu-jítsu, caratê e shows encerram programação da Arena Procon

A Arena Procon Serra está se despedindo da praia de Jacaraípe, mas até esta quarta-feira (22), último dia de funcionamento, ainda tem muita programação,...

Mutirão para impedir novo surto de dengue na Serra

Com a possibilidade de enfrentar um novo surto de dengue este ano, a Prefeitura da Serra está mobilizando funcionários das unidades básicas de saúde...

Manutenção da EDP vai deixar bairros da Serra sem energia nesta semana

Durante esta semana, muitas comunidades da Serra ficarão sem energia por um determinado período. Isso porque a EDP Espírito Santo irá realizar uma manutenção...

Você também pode ler

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!