Falta água até para beber em casas de moradores da Serra

0
Falta água até para beber em casas de moradores da Serra
Moradores afirmam que falta água até para beber nas suas residências. Foto: Divulgação/Marcos Santos/USP

Sem água desde a última quarta-feira (9), moradores da Serra estão tendo que gastar um dinheiro a mais para conseguir fazer algo de extrema importância para o corpo humano: beber o líquido. É isso o que está acontecendo na casa de Warlei Lacerda, que teve que comprar água mineral, já que a Cesan suspendeu o abastecimento “por conta de um curto-circuito” que ocorreu numa estação de tratamento.

Para o TEMPO NOVO, o morador de Vila Nova de Colares disse que o problema acontece também na casa dos seus vizinhos. “Estamos sem água desde quarta-feira. Isso é um desrespeito com o morador. Temos caixas de água, fizemos de tudo para economizar e não faltar, mas hoje tivemos que comprar água mineral no supermercado”, denuncia o popular.

Warlei ainda disse que ao chegar no supermercado, tinha uma fila de moradores que estavam esperando abrir para conseguir comprar água. “Todas as casas estão sem água. A situação é complicada. Já não basta toda semana faltar água e agora fomos informados que ficaremos sem abastecimento até sexta-feira (11)”, reclama.

Problema semelhante também acontece na casa de Cleonice Marinho, em Eldorado. Segundo a popular, sua comunidade está sem água desde a última quarta-feira. “A água não está subindo para as caixas tem dois dias. Hoje, por exemplo, não temos mais água nenhuma. Precisamos de uma solução”, afirma a moradora.

De José de Anchieta II, Margarida Couto, também teve que comprar água em sua casa. “Minha caixa de água é muito pequena e acabou rápido. Agora tive que ir ao mercado para comprar água para beber. Pagamos a conta de água e agora também temos que comprar mineral? Está terrível”, disse.

Cesan culpa curto-circuito e diz que abastecimento volta ao normal na sexta

Após um curto-circuito na estação de bombeamento que abastece bairros da Serra, a Cesan teve que suspender o abastecimento de água para mais de 125 comunidades. Apesar disso, a empresa afirma que já concluiu os reparos, mas em alguns bairros, a água pode chegar somente durante a madrugada desta sexta-feira (11).

Com isso, muitos moradores vão completar dois dias sem água chegando em suas residências na Serra. Leitores do TEMPO NOVO entraram em contato com a redação para informar sobre o problema.

De acordo com a Cesan, a demora para que a água volte a ser distribuída com normalidade é por conta da “características do sistema de abastecimento”. Segundo a empresa, primeiro, a água é normalizada nos imóveis mais próximos das estações de bombeamento e logo após nas áreas mais altas dos bairros e mais distantes das estações.

Ainda de acordo com a companhia, foram precisos carros-pipas para abastecer hospitais, unidades de saúde, escolas e outras estruturas similares, que não podem ficar sem o abastecimento. A empresa destacou, mais uma vez, que o conserto foi concluído às cinco horas da manhã desta quinta-feira, mas afirmou que a distribuição será totalmente regularizada somente na madrugada desta sexta-feira (11).

Comentários