22.6 C
Serra
segunda-feira, 10 de agosto de 2020

Entulho, sacolas, copos e até roupas são achados durante limpeza em bueiros na Serra

Leia também

Serra está há dois dias sem registrar mortes causadas pelo coronavírus, diz Estado

Mesmo seguindo na liderança do número de mortes causadas pela Covid-19 no Espírito Santo, a Serra não registra moradores...

Candidatura de Bruno Lamas é teste de popularidade do Governo nas eleições 2020

Os resultados das eleições de novembro, na Serra, podem ser a resposta do povo às ações do Governo do...

Políticos capixabas lamentam marca dos 100 mil mortos por coronavírus no Brasil

Políticos de todo o país manifestaram preocupação com o avanço do número de mortos em decorrência da Covid-19. O...
Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

bueiro
Segundo a Prefeitura a limpeza nos bueiros da cidade são realizadas rotineiramente. Foto: PMS

Setenta toneladas de diversos tipos de lixo são retiradas mensalmente dos bueiros das ruas da Serra. Segundo a Prefeitura da Serra, as equipes de limpeza da Secretaria de Serviços encontram entulho de construção civil e até mesmo roupas descartados dentro dos dispositivos. As equipes também costumam encontrar areia e folhas, guimbas de cigarro, tampas de garrafas, embalagens plásticas, arame, copos e sacolas. 

Segundo a assessoria da Prefeitura realiza a limpeza dos bueiros rotineiramente e que esta é uma das ações para manter a cidade limpa, além de prevenir alagamentos em períodos de chuva, já que resíduos descartados de forma incorreta podem entupir os bueiros.

Quem estiver mexendo com construção pode destinar o material se a quantidade for de, no máximo, 15 sacos de ráfia ou 15 carrinhos de mão de entulho, por dia, a uma das Áreas de Transbordo e Triagem (ATT) da Serra: no Projeto João de Barro, localizado na Avenida Domingos José Martins, bairro Novo Porto Canoa; e na ATT Barcelona, na Avenida Região Sudeste.

Para descartar mais que isso, o morador precisa contratar caçamba, de empresas credenciadas que são monitoradas pela prefeitura. A lei 4.764, de 28 de dezembro de 2017 estabelece multa de até R$ 2.224 para quem não cumpre as regras.

Comentários

Ana Paula Bonellihttps://www.portaltemponovo.com.br
Moradora da Serra, Ana Paula Bonelli é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Mais notícias

Candidatura de Bruno Lamas é teste de popularidade do Governo nas eleições 2020

Os resultados das eleições de novembro, na Serra, podem ser a resposta do povo às ações do Governo do Estado durante a pandemia do...

Políticos capixabas lamentam marca dos 100 mil mortos por coronavírus no Brasil

Políticos de todo o país manifestaram preocupação com o avanço do número de mortos em decorrência da Covid-19. O governador Renato Casagrande (PSB) usou...

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!