Dia Mundial da Hipertensão reforça a importância de praticar hábitos saudáveis

Controlar o peso corporal, praticar exercícios físicos e ingerir frutas e verduras são medidas que ajudam a prevenir o aparecimento da doença

É possível prevenir o aparecimento da doença ou pelo menos atrasar o período de surgimento com uma dieta saudável. Foto: Freepik

A hipertensão arterial, também conhecida como pressão alta, surge quando a força do sangue contra as artérias (vasos sanguíneos) é muito alta e atrapalha a circulação. O Dia Mundial da Hipertensão, 17 de maio, foi criado para alertar a população sobre a importância de se prevenir a doença. De acordo com a Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC), o controle da pressão arterial reduz o risco de derrame (AVC) em 42% e o de infarto do miocárdio em 15%.

Ainda segundo a SBC, a condição afeta cerca de 30% da população adulta em todo o mundo e atinge 25% dos brasileiros. Além disso, a hipertensão é o principal fator de risco para a doença renal crônica, insuficiência cardíaca, arritmias, demência. É recomendado ficar sempre em alerta já que a condição é essencialmente assintomática. Os sintomas geralmente aparecem quando a pressão aumenta de forma rápida e exagerada, e incluem dores de cabeça, tonturas, manchas na visão, mal-estar, zumbido no ouvido, visão embaçada.

Considerada uma doença multifatorial, ou seja, em que várias causas atuam para seu surgimento, a hipertensão pode ser desencadeada pela ausência de exercícios físicos no dia a dia, tipo de alimentação rica em sal, obesidade, uso de cigarro e excesso na ingestão de bebidas alcoólicas. A cardiologista da Unimed Vitória Rovana Agrizzi explica que o sono desregulado, o uso de anticoncepcionais orais e de esteroides e anabolizantes também são fatores de risco para desenvolvimento da hipertensão arterial.

Cuidado constante

Para o aposentado Getúlio Santos, de 65 anos, conviver com a pressão alta é viver constantemente em vigilância. “Acordo e tomo um coquetel de remédios todos os dias de manhã, entre eles, dois são para controlar a minha hipertensão. Se eu esquecer de tomar, vou ter consequências. Também não posso comer tudo o que quero sempre, porque quando você entende a seriedade da doença, começa a se cuidar de maneira séria”.

Pessoas que têm parentes que sofrem da condição são mais propensas a ter hipertensão. Os afrodescendentes têm maior risco de complicações da doença. Além disso, o envelhecimento, estresse emocional e um estilo de vida mais agitado aumentam a chance de as pessoas ficarem hipertensas. Os alimentos ultraprocessados, como os enlatados são ricos em sódio, devem ser evitados.

O tratamento da hipertensão conta com uma grande variedade de medicamentos anti-hipertensivos. A especialista em cardiologia comenta que há opções para toda a população. “Temos remédios modernos, mais caros e medicações mais acessíveis, tanto no SUS quanto nas farmácias populares, em que a gente consegue controlar a hipertensão arterial. O paciente deve seguir a prescrição e retornar no médico para esse seguimento”.

É possível prevenir o aparecimento da doença ou pelo menos atrasar o período de surgimento com uma dieta saudável, aumentando a ingestão de vegetais como frutas, verduras, legumes, cereais e controlando o peso. Os fatores genéticos não são reversíveis: quem tem pais ou tios hipertensos não consegue modificar essa condição e nem retardar a idade cronológica, isto é, o envelhecimento. O que pode ser feito é atrasar o envelhecimento metabólico controlando a glicose, os valores de colesterol e estando ativo fisicamente.

Serra Podcast

Conheça o Serra Podcast: a nova forma do Tempo Novo se comunicar com você, leitor.

Serra Podcast

Conheça o Serra Podcast: a nova forma do Tempo Novo se comunicar com você, leitor.

Torneio de vôlei adaptado na Serra vai ter atleta de até 100 anos

Neste sábado (9) , a Serra vai receber a primeira etapa da Superliga Melhor Idade Capixaba de voleibol adaptado. Ao todo serão 4 etapas...

Tradicional festa julina da Apae da Serra terá show, comidas típicas e sorteio de TV de 32”

A tradicional festa julina da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais da Serra (Apae) já tem data certa para acontecer. Será no próximo...

STF | Para renovar carteira, motorista terá que apresentar exame toxicológico negativo

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) confirmou a regra do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) que exige a comprovação de exame toxicológico negativo para...

Em 6 meses, Guarda Municipal atendeu mais de 7 mil ocorrências na Serra

Números divulgados em balanço oficial nesta terça (5), no primeiro semestre de 2022, mais de seis mil estabelecimentos de diversos bairros da Serra receberam...

Com Covid, Casagrande segue em isolamento, mas mantém agenda on-line

  Ainda se recuperando da Covid-19, o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande (PSB), tem divulgado suas atividades diárias nas redes sociais. Nesta terça-feira, Casagrande divulgou...

“Quando o jornal divulga, a procura é muito maior”: Tempo Novo lança site de empregos na Serra

O Tempo Novo lança oficialmente, nesta quarta-feira (6), a coluna ‘Serra Empregos’ – um canal de divulgação de oportunidades de trabalho, estágio e cursos...

Com mais de 5 mil itens, Dadalto Casa inova em promoções diárias para consumidor da Serra

Inovar e investir em promoções que sejam atrativas diariamente para o consumidor serrano e de regiões vizinhas. Está é a nova cara da Dadalto...

Irmãos surfistas da Serra promovem noite da pizza para participar de torneio nacional

Com o objetivo de ajudar os irmãos Noah e Luca Sathler, de 11 e 8 anos,  a arrecadarem dinheiro para a disputa do campeonato...

Produtos da cesta básica ficaram 13% mais caros na Serra, diz Departamento Nacional

O custo dos produtos da cesta básica de alimentos tem aumentado assustadoramente e deixando a população assalariada de cabelo em pé. De acordo com o...
close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!