Dengue mata três em uma semana e mortes chegam a dez na Serra

0
Dengue mata três em uma semana e mortes chegam a dez na Serra
Dengue e zika são transmitidas pelo Aedes aegypti. Foto: Divulgação

Com aumento que ultrapassa os 1.100% de casos da doença, a dengue segue matando na Serra. Só na última semana, mais três moradores perderam a vida. Com isso, já são 10 mortes neste ano, segundo dados divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde (Sesa).

A pasta não informou identidade, gênero, idade e nem em quais bairros moravam as vítimas fatais da última semana. A assessoria de imprensa do órgão diz que não possui autorização para dar essas informações.

Mesmo com as mortes, a Sesa afirma que os casos de dengue vêm diminuindo nos últimos dois meses. Segundo dados divulgados, o município chegou a registrar 938 doentes em apenas uma semana no mês de maio. Já na última semana, foram 37 casos.

Ainda de acordo com a Prefeitura, ações de combate ao Aedes aegypti vêm sendo intensificadas para que a queda nos registros continue. “Estamos realizando campanhas educativas para conscientização da população e até medidas diretas, como telagem de caixas d’água, bloqueio nos pontos críticos, colocação de larvicida, visita às residências e também a locais estratégicos (borracharias, ferros-velhos, floriculturas)”, destaca a Prefeitura em nota enviada à reportagem.

De janeiro até a última quinta-feira (26), foram confirmados 16.393 casos e 10 mortes por dengue. No mesmo período do ano passado, houve apenas uma morte. Zika e chikungunya, doenças que também são transmitidas pelo Aedes, não tiveram nenhuma morte registrada em 2019, sendo confirmados, respectivamente, 125 e 79 casos na cidade.

Comentários