23.3 C
Serra
quarta-feira, 13 de novembro de 2019

Contarato vai à Justiça para derrubar novos decretos de Bolsonaro que facilitam porte de arma

Leia também

De olho nas eleições de 2020, partidos expulsam vereadores e apostam em lideranças sem mandato

Objetivo é tornar as legendas mais atraentes para não mandatários e até mesmo favorecer a renovação na Câmara de Vereadores

Cerca de 50 famílias são atingidas por alagamentos em Nova Carapina I

https://youtu.be/H6pI99ClExI Cerca de cinquenta famílias foram atingidas pelas águas das fortes chuvas que fizeram com que o valão de Nova...

O ‘Click da Serra’ desta quarta (13) é da Igreja dos Reis Magos

Olha ela aí de novo! A Igreja dos Reis Magos será reaberta ao público em dezembro. O ponto turístico...
Gabriel Almeidahttps://www.portaltemponovo.com.br/
Morador da Serra, Gabriel Almeida é repórter do Tempo Novo há mais de quatro anos. Atualmente, o jornalista escreve para diversas editorias do portal.

Contarato quer derrubar novos decretos. Foto: Geraldo Magela/Agência Senado

O senador capixaba Fabiano Contarato (Rede) vai acionar a Justiça para derrubar os novos decretos publicados por Jair Bolsonaro (PSL) na tarde desta terça-feira (25) que facilitam a posse e o porte de armas. Ao lançar os três novos decretos, Bolsonaro revogou o que tinha sido feito em maio e alterou algumas regras, mas o senador afirma que os textos não solucionam a inconstitucionalidade do decreto anterior.

O decreto revogado de Bolsonaro já tinha sido derrubado pelo Senado Federal, mas ainda precisava passar pela Câmara dos Deputados, onde seria decidido se as regras iriam continuar valendo. Contarato já tinha se declarado contra a facilitação de posse e porte de armas e feito duras críticas as decisões do presidente.

Nos novos textos, o Governo Federal faz ajustes e retira pontos polêmicos que estavam sendo alvo de muitas críticas. Mesmo assim, Fabiano Contarato, afirma que vai ao ao Judiciário contra os novos decretos. “A edição desses novos decretos não sana a inconstitucionalidade. Os textos têm os mesmos conteúdos e os velhos vícios”, diz Contarato.

O senador afirmou ainda que vai apresentar, no Senado Federal, um Projeto de Decreto Legislativo para sustar os decretos publicados na tarde desta terça (25).

Comentários

Mais notícias

Cerca de 50 famílias são atingidas por alagamentos em Nova Carapina I

https://youtu.be/H6pI99ClExI Cerca de cinquenta famílias foram atingidas pelas águas das fortes chuvas que fizeram com que o valão de Nova Carapina I transbordasse nesta quarta-feira...

O ‘Click da Serra’ desta quarta (13) é da Igreja dos Reis Magos

Olha ela aí de novo! A Igreja dos Reis Magos será reaberta ao público em dezembro. O ponto turístico da Serra passou por obras...

Mutirão do Consumidor vai orientar moradores da Serra sobre direitos na Black Friday

No próximo dia 21, a Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Serra, por meio da Comissão de Direito do Consumidor, realizará um mutirão de...

Óleo está a 8,5 km da Serra e pode afetar até água de morador

Óleo que contamina as praias do Nordeste e do norte do ES já está encostado no litoral da Serra e pode atingir até mesmo...

Você também pode ler

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
javascript:void(0)
close-link
close-link
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!