28.6 C
Serra
domingo, 24 de Maio de 2020

CORONAVÍRUS NA SERRA

cidade registra 1.777 infectados, 107 mortos e 554 curados

Comunidade questiona delegação que votará no 14º Congresso da Fams

Publicado em:
Atualizado em:

Leia também

Academias de ginástica do Estado voltam a funcionar nesta segunda-feira (25)

O Governo do Estado liberou as academias de ginástica para voltar a funcionar a partir desta segunda-feira (25), em...

Idosos de asilos da Serra testam positivo para Covid-19

Três residentes de Instituições de Longa Permanência de Idosos (ILPIs) da Serra testaram positivo para o novo coronavírus. O município...

Mais 12 moradores da Serra morrem por coronavírus e cidade já registra 107 óbitos

Em apenas 24 horas, a Serra registrou 12 novas mortes causadas pela Covid-19. A informação foi divulgada pela Secretaria...
Maria Nascimento
Maria Nascimento é repórter do Tempo Novo há mais de 15 anos. Atualmente, a jornalista escreve para diversas editorias do portal, principalmente para a de Política.

Victor Hugo Mattos questiona a legitimidade da delegação. Foto: Reprodução-Arquivo pessoal
Victor Hugo Mattos questiona a legitimidade da delegação. Foto: Reprodução-Arquivo pessoal

Por Conceição Nascimento

Uma polêmica pode tomar conta das eleições para escolha da nova diretoria da Federação das Associações de Moradores da Serra (Fams), marcadas para acontecer na manhã deste sábado (16), em Porto Canoa. Moradores de Cidade Continental, precisamente do Setor Europa, reclamam que não houve convocação para a assembleia comunitária, onde deveria ter sido feita a escolha dos cinco delegados que representariam a entidade na eleição.

É o caso do morador Victor Hugo de Mattos, membro do movimento comunitário “Setor Europa Merece Mais”. Ele reclama que passou a questionar a diretoria da Associação de Moradores do setor no dia 13 de março, sem sucesso.

“Buscamos informações em ferramentas criadas pela atual gestão para saber quando e como se daria a assembleia que elegeria a delegação. Sempre estivemos atentos para verificar a data e participar, justamente porque avaliamos que o congresso da federação é mais um importante espaço democrático e precisa estar ocupado pelo povo. No final de março, fomos informados pelo vice-presidente  da associação, identificado como Maximiliano Gama, que disse não ter ciência sobre o assunto. No entanto, se prontificou em buscar informações com o presidente e dar publicidade, garantindo a participação dos moradores”, disse Victor.

Ainda segundo o morador, o grupo buscou informações junto aos coordenadores de área, quando foram informados de que não seria possível acompanhar todos os processos. “Mas que havia chegado às mãos dele a lista de presença e a ata da assembleia”

As assembleias para a escolha dos delegados que votariam durante o 14º Congresso da Fams foram realizadas entre 21 de fevereiro até 31 de março. Estão aptos a votar 445 delegados, além de outros que entraram com recurso e poderão ser liberados no dia da votação. Existem ainda coordenadores de área, diretores da Fams e conselheiros que podem votar.

Documentos e provas

O presidente da Comissão Eleitoral, que coordena o processo de escolha da nova diretoria da Fams, Maykon Melo, foi procurado pela

Maykon Melo aguarda documentação que comprove alguma irregularidade. Foto: Reprodução-Arquivo pessoal
Maykon Melo aguarda documentação que comprove alguma irregularidade. Foto: Reprodução-Arquivo pessoal

reportagem e informou que a comissão trabalha em movida por documentos.

Aquela associação apresentou ata, lista de presença e relação dos delegados, conforme o edital e dentro das exigências da Fams. Cumpriram as regras, diante da comissão. Ficou por conta dos coordenadores de área da Fams acompanhar as assembleias. Se houver provas para se cancelar a delegação isso será feito. Acusação sem prova é apenas acusação. Não posso cancelar uma delegação em cima de um boato”, frisou.

Três chapas concorrem à direção da Fams, uma encabeçada por Norma Sousa (PT), a segunda por Jean Cassiano (PSD) e a chapa 3 por Edmar Souza (PSDB).

 

 

Comentários

Mais notícias

Idosos de asilos da Serra testam positivo para Covid-19

Três residentes de Instituições de Longa Permanência de Idosos (ILPIs) da Serra testaram positivo para o novo coronavírus. O município conta com 23 instituições de longa...

Mais 12 moradores da Serra morrem por coronavírus e cidade já registra 107 óbitos

Em apenas 24 horas, a Serra registrou 12 novas mortes causadas pela Covid-19. A informação foi divulgada pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa)....

VOCÊ TAMBÉM PODE LER

CONTEÚDO PATROCINADO

Comentários
close-link
close-link
CLIQUE AQUI e receba as principais noticias sobre o coronavírus na Serra e no ES pelo seu WhatsApp
error: Não copie! Compartilhe o conteúdo!
Precisa falar com o Tempo Novo? Envie sua mensagem